sábado , 26 setembro 2020
Você está aqui: Capa | Destaques | Alunos visitam Procon e apresentam trabalhos sobre direitos do consumidor
Alunos visitam Procon e apresentam trabalhos sobre direitos do consumidor

Alunos visitam Procon e apresentam trabalhos sobre direitos do consumidor

Crianças de cinco e seis anos que estudam na Escola Municipal Dinorah Alvarenga, no bairro Chapada, visitaram a sede do Procon Itabira na manhã de sexta-feira (5). A atividade faz parte do programa Educação para o Consumo/Procon Mirim, que é levado às escolas municipais por meio de parceria entre o Procon e a Prefeitura.

A secretária-executiva Rejane Maria Assis Bretas e funcionárias do Procon assistiram à apresentação dos alunos: eles explicaram sobre o papel do órgão; o que são consumidores, fornecedores, contratos e venda casada. Também apresentaram a música “A Barata” – por meio da canção, foi abordado o assunto propaganda enganosa.

Segundo a coordenadora da escola, Ana Maria Piedade Silva Lopes, 64 alunos dos 1º e 2º períodos participaram das atividades propostas pelos professores Marcilene Madeira, Francismar Oliveira, Ada Jácome e Mery Silva. A equipe conseguiu atrair a atenção das turmas de Educação Infantil por meio de diferentes ações: visita ao supermercado para abordar o prazo de validade dos produtos; contação de histórias; leitura da cartilha “Formando consumidores conscientes”, fornecida pelo Procon; exibição de fotos e vídeo, além da confecção de desenhos.

Muitas pessoas são enganadas por não terem aprendido quando crianças. O que se aprende na infância fica gravado. Com esse trabalho, as crianças se tornarão adultos conscientes, pois eles vão se lembrar dessas atividades e também serão multiplicadores de informações sobre direito do consumidor”, disse a coordenadora.

Estou muito feliz, porque as crianças foram maravilhosas. Os trabalhos produzidos pelos alunos demonstraram a alegria em aprender sobre o assunto. Fiquei encantada com a apresentação”, afirmou Rejane Bretas. Ela mostrou aos estudantes e professores as salas de atendimento do Procon e esclareceu dúvidas sobre o funcionamento do órgão.

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top