Você está aqui: Capa | Destaques | Semana da consciência negra começa hoje
Semana da consciência negra começa hoje

Semana da consciência negra começa hoje

Começaram hoje (9) os eventos da Semana Itabirana da Consciência Negra. Este ano, com o tema “Construindo Itabira sem racismo”, a Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Governo (SMG) e em parceria com o Conselho Municipal para a Promoção da Igualdade Racial (Compir), irá discutir o impacto do preconceito na sociedade.

Com este propósito, haverá roda de conversa, palestras, manifesto, intervenções culturais, exibição de filmes e missa afro, além do lançamento oficial do projeto Educando Itabira sem Racismo, no dia 22/11, às 13 horas, na Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) que, de acordo com Maria Helena Primo “Lena Primo”, diretora da Promoção da Igualdade Racial da SMG será o destaque da programação. “O projeto começou no início do ano e a aceitação foi tão grande que as escolas nos procuram para fazer parte. Assim como eu, os educadores também acreditam que tudo começa pela educação, inclusive os preconceitos. Então, dia 22, é o nosso dia D”.

Ainda segundo a diretora, outro evento “impactante” será o manifesto para celebrar o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra (20), na próxima terça-feira (14/11), às 15 horas, na Câmara de Itabira. Já no dia 16/11, a partir das 18 horas, na praça Doutor Nelson Lima Guimarães, no bairro Pará, acontecerá a 5ª Cultural Afro com diversas atrações e shows.

As comemorações do dia 20 serão marcadas pela Festa Cultural Afro – Cultura Quilombola, às 10 horas, na Escola Municipal Candidópolis e, às 19h30, pela missa afro, na Igrejinha do Rosário. “A missa ficará linda com a participação dos grupos de Marujos e, a pedido do padre Eugênio, a comunidade fará uma mesa de comidas típicas após a celebração”, destacou Lena Primo.

A Semana Itabirana da Consciência Negra será encerrada na sexta-feira (24), às 14 horas, no auditório da Prefeitura de Itabira, com uma roda de conversa articulada por Yone Maria Gonzaga, superintendente de Políticas Afirmativas e Articulação Institucional da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania de Minas Gerais.

Projeto

O Educando Itabira sem Racismo iniciou suas atividades em maio deste ano, como parte das comemorações dos 129 anos da abolição da escravatura, e se desenvolve por meio da exibição de filmes – com abordagem do tema racismo – para crianças e adolescentes das escolas itabiranas. De acordo com Lena Primo, o projeto visa estimular debates que permitam a reflexão dos alunos “sobre o impacto do preconceito e suas consequências na vida de toda a sociedade, começando pela escola”. Ainda segundo ela, com esta didática o projeto alcança o seu principal objetivo, que é a formação de pessoas tolerantes às diferenças. “Por meio de uma abordagem leve, conseguimos demonstrar a seriedade que o tema inspira. Provocamos uma reflexão nesses jovens acerca do preconceito em todas as suas formas e dos danos que ele provoca na vida de cada pessoa. Assim, formamos seres humanos mais solidários e tolerantes com as diferenças”.

Programação

Dia 09/11, às 10 horas

Local: Escola Municipal Candidópolis

Palestras – Tema: Superando o Preconceito (Lena Primo)

Tema: Lei 10.639 – a verdadeira História do Negro (professor Jhonatan Fernandes)

Dia 14/11, às 15 horas

Local: Câmara de Itabira

Manifesto sobre o dia 20 de Novembro

Dia 16/11, a partir das 18 horas

Local: Pracinha do Pará

5ª Cultural Afro

* Intervenções Culturais: alunos da Escola Estadual Major Lage

* Dança de Forró: professor Júlio

* Dança Afro: coreógrafo Warley e Cia de BH

* Samba na Sola: Cantora Duca

* Roda de Capoeira

* Show com Genésio Reis

* Roda de Samba: Grupo Samba de Raiz

Dia 20/11, às 10 horas

Local: Escola Municipal Candidópolis

Festa Cultural Afro – Cultura Quilombola

            às19h30

Local: Igrejinha do Rosário

Missa Afro: padre Eugênio

Dia 21/11, às 14 horas

Local: Funcesi

Visita dos alunos das escolas: Fazenda da Bethânia, Candidópolis e José Ricardo Martins (Chapada) aos projetos de extenção da universidade: Inclusão Digital e Espaço de Tecnologia

Dia 22/11, a partir das 13 horas

Local: FCCDA

* Apresentação Drummonzinhos

* Apresentação do Coral Mulheres Negras : “Mudança de Hábito”

* Apresentação dos Projetos Desenvolvidos pela Diretoria

* Lançamento da Ouvidoria Permanente/Blog

* Lançamento do Projeto: Educando Itabira sem Racismo

* Análise dos alunos das escolas envolvidas.

* Palestra – Tema: Cultura Quilombolas (Arcanjo Conceição Pimenta – Diretor do SOS Racismo)

Dia 24/11, às 8 horas

Local: Escola Estadual Major Lage

Palestra – Tema: O Brasil na década do afrodescendente – desafio para a Educação Pública (Yone Maria Gonzaga)

                 às 10 horas

Local: Escola Municipal Coronel José Batista

Palestras – Tema: O Brasil na década do afrodescendente – desafio para a Educação Pública (Yone Maria Gonzaga)

                 às 14 horas

Local: auditório da Prefeitura de Itabira

Roda de conversa – Yone Maria Gonzaga

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top