domingo , 17 dezembro 2017
Você está aqui: Capa | Destaques | Seminário discute integração da Vigilância em Saúde e Atenção Primária
Seminário discute integração da Vigilância em Saúde e Atenção Primária

Seminário discute integração da Vigilância em Saúde e Atenção Primária

A Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), deu início ontem (4/12), ao seminário “Construção compartilhada de soluções locais – Integração da Vigilância em Saúde e Atenção Primária”. Realizado no auditório da Fide/Sebrae, o evento termina hoje (5), às 17 horas, reunindo gestores e servidores das equipes dos dois setores.

De acordo com Thereza Cristina Oliveira Andrade Horta, superintendente de Vigilância em Saúde, o objetivo deste seminário é planejar e organizar ações que se tornem mecanismos de prevenção de doenças, principalmente, estratégias de combate das arboviroses: dengue, zika e chikungunya. “Acreditamos que a integração das ações vai potencializar a produção e evitar a duplicidade das ações, considerando especialmente o trabalho desenvolvido pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e pelos Agentes de Combate às Endemias (ACE). Fazer esta integração fortalece o desenvolvimento de ações capazes de promover a saúde. Uma das razões de propor a integração dos setores é que são os profissionais da atenção primária que fazem o contato diário com a população que procura atendimento nas unidades de saúde”, salienta Thereza Andrade.

O seminário faz parte da programação do Ciclo Saúde, programa de fortalecimento da Atenção Básica, desenvolvido por meio de uma parceria entre Prefeitura e Fundação Vale, que tem a organização não-governamental Centro de Promoção da Saúde (Cedaps) como coordenadora das atividades. O programa atua em duas frentes: o ciclo de formação dos servidores e a entrega de equipamentos diversos como eletroeletrônicos e móveis para as unidades de saúde e pontos de apoio às atividades de combate às endemias, garantindo a infraestrutura de trabalho das equipes.

Para a superintendente de Ações em Saúde Heloísa Helena Martins, este evento coloca Itabira à frente ao iniciar ações de integração entre a Atenção Primária e a Vigilância em Saúde, com o estabelecimento de territórios únicos de atuação, proposta da nova Política Nacional de Atenção Básica, em vigor desde setembro.

Esta etapa do Ciclo Saúde é de suma importância para todo o sistema. Ao concluir essa fase, as atividades de controle e combate às endemias, principalmente as transmitidas pelo Aedes aegypti, deverão ganhar um reforço muito grande. Sabemos que não existe uma fórmula pronta para esse ‘casamento’, mas temos a certeza de que, com a integração, o resultado de cada profissional envolvido será potencializado e a maior beneficiada será a população”, afirma Thereza Andrade.

A secretária municipal de Saúde Rosana Linhares Assis Figueiredo abriu o primeiro dia de atividades e disse que a integração dos serviços representa uma importante união de forças, com atuação única nos territórios.

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top