quinta-feira , 14 novembro 2019
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: Centro de Reabilitação

Arquivos de Tag: Centro de Reabilitação

“O ostomizado e hábitos alimentares” – 10º encontro reúne pacientes ostomizados de Itabira e região

Na manhã desta sexta-feira (8), acontece no município o 10º Encontro dos Ostomizados, pacientes que fazem uso da bolsa de colostomia após terem retirado parte do intestino por motivos variados e da bolsa de urostomia por causa de complicações da bexiga e uretra. A confraternização anual é promovida pela Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS)/ Centro de Reabilitação Abel Camilo – Serviço de Atenção à Saúde da Pessoa Ostomizada (Saspo).

Palestras e atrações culturais fazem parte da programação que será no auditório da Associação Comercial, Industrial, de Serviços e Agropecuária de Itabira (Acita), a partir das 8 horas. O encontro busca reunir ostomizados, familiares e profissionais da saúde de Itabira, João Monlevade e região.

Neste ano, o tema abordado será “O ostomizado e hábitos alimentares”. Os participantes participarão de uma palestra específica sobre ostomias, descobrirão as novidades em relação aos dispositivos, cuidados e orientações para melhorar a qualidade de vida dos usuários, além de poderem tirar dúvidas sobre o assunto.

Haverá ainda uma orientação nutricional direcionada aos pacientes e, logo após, um coffee-break. Os pacientes também terão um momento de descontração com um profissional da área de psicologia e com o grupo do Núcleo de Dança Angélica Mota.

Atualmente, 165 pacientes de Itabira e cidades vizinhas estão cadastrados no Centro de Reabilitação para recebimento das bolsas de ostomia (dispositivos coletores de urina ou fezes). Estes dispositivos são fornecidos pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) e repassados para a SMS/ Centro de reabilitação, onde os usuários também recebem atendimento e orientação da equipe multiprofissional composta por médico, enfermeira, assistente social, nutricionista e psicólogo.

encontro ostomizados

Hemominas realiza coleta de sangue no próximo sábado em Itabira

Uma equipe da Fundação Centro de Hematologia e Hemoterapia de Minas Gerais (Fundação Hemominas) estará em Itabira mais uma vez para realizar a coleta de sangue. A ação acontece no próximo sábado (3/10), das 7h às 16h, no Centro de Reabilitação (av. Duque de Caxias, 950, Esplanada da Estação). A iniciativa conta com a parceria da Prefeitura e a solidariedade de toda a população.

Em abril deste ano, a Hemominas esteve no município: na ocasião foram coletadas 150 bolsas de sangue, quantidade esperada pela fundação e pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). De acordo com a Superintendência da Policlínica Regional, desta vez, a expectativa é de que a Hemominas consiga coletar mais 150 bolsas.

Responsáveis pelo setor ressaltaram que os procedimentos seguem as normas de segurança previstas na Portaria nº 2.712/2013, do Ministério da Saúde. Antes de cada coleta, é feita uma minuciosa pré-consulta com cada candidato a doador. Por isso, e por causa do horário estabelecido para o procedimento, é praticamente impossível coletar mais de 150 bolsas de sangue em cada ação realizada em Itabira.

Todo sangue coletado será destinado à Hemominas que fará a distribuição entre os hospitais conveniados, quando houver necessidade. O candidato à doação só estará apto após realizar uma entrevista de triagem clínica realizada por profissionais de saúde. Para assegurar ainda mais a qualidade do material, em cada coleta serão realizados os seguintes exames: tipagem sanguínea ABO e fator Rh, testes sorológicos para hepatite B e C, doença de Chagas, sífilis e HIV. Após os testes, o doador receberá os resultados dos testes: o sigilo de todas as informações repassadas à Hemominas é garantido.

Saiba mais:

- o candidato à doação de sangue deverá apresentar documento de identidade original com foto;

- é necessário dormir bem na noite anterior à doação;

- não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a coleta;

- o uso de medicamento, inclusive para enjoo, pode impedir a realização da doação;

- não é aconselhável doar sangue em jejum. Pela manhã, recomenda-se uma alimentação leve, evitando alimentos gordurosos. Após o almoço ou refeições gordurosas, é necessário aguardar três horas para realizar a doação;

- o motorista do veículo que transporta o grupo de doadores não deverá doar sangue nessa ocasião;

- o atendimento aos candidatos à doação será sequencial, por ordem de chegada e de cumprimento de cada uma das etapas do processo de conscientização, cadastro, triagem e coleta;

- as doações em grupo ou caravanas são mais demoradas. Haverá um intervalo de tempo entre o término da doação dos primeiros e últimos candidatos.

Outras informações podem ser adquiridas na página oficial da Fundação Hemominas (www.hemominas.mg.gov.br) ou na Policlínica Regional pelos telefones 3839-2294 e 3839-2399.

hemominas - facebook

Dia do Psicólogo – Encontro reúne profissionais da rede pública de Itabira

Na quinta-feira (27), comemorou-se o Dia do Psicólogo. Para marcar a data, a Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), promoveu uma reunião com profissionais que trabalham na rede pública de saúde no município. A organização do evento e mobilização dos participantes ficou a cargo da Policlínica Municipal e Diretoria de Saúde Mental.

O encontro aconteceu durante o período da manhã na Fazenda do Pontal. “Foi um momento de conhecermos os vários serviços que integram nossa rede do Sistema Único de Saúde (SUS) e os profissionais atuantes para facilitar os encaminhamentos futuros”, explicou a diretora para Coordenação de Programas Especiais de Doenças Infectocontagiosas da Policlínica, Janaína Ávila.

Foram convidados psicólogos que trabalham na Policlínica, Unidades Básicas de Saúde (UBS), Centro de Reabilitação, Centro de Atenção Psicossocial (Caps), Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Capsad), Centro de Atenção Psicossocial Infanto-Juvenil (Capsi), Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf), Centro Integrado Viva Vida Hiperdia Dr. Sad, Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD), Hospital Carlos Chagas (HCC) e Pronto-Socorro Municipal.

Houve apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos profissionais e uma roda de conversa para troca de experiências, atualização de informações, esclarecimento de dúvidas e discussões sobre a forma de agir diante de cada situação identificada nos atendimentos aos pacientes.

Encontro reúne pacientes e familiares de ostomizados

Palestras e atrações culturais fizeram parte da programação do 6º Encontro dos Ostomizados, ocorrido na sexta-feira (3). A confraternização anual foi promovida pela Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS)/ Centro de Reabilitação Abel Camilo de Oliveira Lage. O encontro aconteceu no auditório da Associação Comercial, Industrial, de Serviços e Agropecuária de Itabira (Acita) e reuniu ostomizados, familiares e profissionais da saúde do município e região.

Houve a palestra “Aplicar, remover e conferir: a importância do cuidado com o estoma”, ministrado pela gerente da Coloplast do Brasil e enfermeira estomaterapeuta da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Anna Cristina Valadão Alves. O público também acompanhou o momento de reflexão “Sobreviver, viver e superviver”, com a integrante da Associação dos Ostomizados de Goiás, Damaris Morais. Ao final do encontro, os participantes interagiram com servidores da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) e integrantes do programa Drummonzinhos durante o momento cultural.

Atualmente, 119 pacientes de Itabira e cidades vizinhas estão cadastrados no Centro de Reabilitação para recebimento das bolsas de ostomia (dispositivos coletores de urina ou fezes). Elas são fornecidas pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) e repassadas pela SMS. Os usuários também recebem atendimento e orientação da equipe multiprofissional composta por médico, enfermeira, assistente social, nutricionista e psicólogo.

Novos equipamentos são encaminhados a unidades de saúde

O Pronto Socorro Municipal, o Centro de Reabilitação, a Policlínica Municipal e o Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD) são algumas unidades de saúde que estão recebendo equipamentos para atender melhor os pacientes e também às pessoas que os acompanham. Eles foram adquiridos com recursos municipais e estaduais, totalizando o investimento de R$ 340.487,49.

O prefeito Damon Lázaro de Sena esteve no almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) para conferir as 50 poltronas reclináveis destinadas aos acompanhantes de pacientes no Pronto Socorro. Elas foram entregues à unidade de saúde na última semana e, para adquiri-las, o Município aplicou R$ 31.700.

Recentemente, foram adquiridos dois sistemas de radiografia computadorizada: uma unidade foi encaminhada ao HNSD e a outra, à Policlínica Municipal. Neste caso, a Prefeitura investiu R$ 237.990. Os equipamentos aguardam adequação do espaço físico dos imóveis para serem instalados.

Neste ano, já foram comprados três aparelhos de Tens Clínico Digital, duas barras de Ling de madeira, 20 colchonetes para ginástica revestidos em napa e seis mesas de escritório para o Centro de Reabilitação; um ar-condicionado tipo split e dez braçadeiras inox para coleta de sangue para o HNSD; cinco biombos duplos para o Pronto Socorro; 11 colchões para uso hospitalar D.33 revestidos em napa para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e setores ligados à Saúde Mental.

Houve ainda a compra de uma balança antropométrica adulto, quatro cadeiras de espera, uma cadeira de rodas, um carro maca, três macas fixas, um Doppler vascular portátil e um plicômetro clínico para o Centro de Referência Integrado Viva Vida Hiperdia. A Farmácia Municipal e a sede do Tratamento Fora de Domicílio (TFD) receberam quatro sistemas de senha digital para recepção.

Para utilização dos pacientes da rede pública de saúde, foram adquiridos quatro cilindros para oxigênio (20 litros cada) e dois equipamentos para respiração mecânica. As unidades do Programa de Saúde da Família (PSF) e setores da SMS receberam 150 aparelhos telefônicos com fio e oito cadeiras digitador. Três máquinas fotográficas foram destinadas à diretoria de Vigilância Sanitária.

Equipe conhece funcionamento do Centro Especializado em Reabilitação em Diamantina

Em janeiro, oito funcionários da Secretaria Municipal de Saúde/Centro de Reabilitação participaram de uma visita técnica ao Centro Especializado em Reabilitação (CER IV) instalado em Diamantina (MG). A equipe observou a estrutura e o funcionamento do CER IV e teve a oportunidade de trocar experiências. No local, são realizados 300 procedimentos por dia relacionados a quatro tipos de reabilitação: física/ostomia, visual, auditiva e intelectual.

Visita tecnica CER Diamantina dest

De acordo com a gerente do Centro de Reabilitação em Itabira, Tônia Chaves Andrade, os serviços oferecidos pelo CER são propostos pelo programa “Viver sem Limite”, do Ministério da Saúde, que tem como objetivo atender aos deficientes de forma integral e especializada. “Diamantina foi a primeira cidade a ter os serviços credenciados em Minas Gerais e a quarta no Brasil. Também é apontada pelo Ministério da Saúde como modelo de prestação de serviço no SUS com padrão de alta qualidade”, explicou.

Tônia Andrade acrescentou que, em dezembro do ano passado, o Ministério da Saúde destinou ao Centro de Reabilitação itabirano a verba de R$ 991.900,00 para ampliação do espaço físico e oferta de três tipos de reabilitação: física/ostomia, visual e auditiva. Posteriormente, o local vai receber verbas para aquisição de equipamentos e custeio mensal. “O Centro de Reabilitação vai ser uma referência microrregional, pois vai atender 13 municípios”, destacou.

Secretaria de Saúde reúne pacientes ostomizados de Itabira e região

Na manhã de sexta-feira (29), aconteceu em Itabira o 5º Encontro dos Ostomizados, pacientes que fazem uso de bolsas de colostomia após tratamento do câncer no intestino. A confraternização foi promovida pela Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde/Centro de Reabilitação, no auditório da Associação Comercial, Industrial, de Serviços e Agropecuária de Itabira (Acita).

2 3 4

Os pacientes e familiares presentes assistiram às palestras com o médico Alexandre Garcia e a nutricionista Pâmela Garcia, participaram do coffee-break e interagiram com os integrantes da Associação Cultural Esportiva e Social Perecolândia (Acesp) durante o momento de descontração.

Atualmente, 108 usuários estão cadastrados no programa e recebem os dispositivos coletores que são fornecidos pela Secretaria de Estado de Saúde. Os pacientes residentes em Itabira e municípios vizinhos recebem orientações da equipe multiprofissional (formada por médico, enfermeira, assistente social, nutricionista e psicólogo) do Centro de Reabilitação Abel Camilo de Oliveira Lage.

Scroll To Top