sexta-feira , 26 abril 2019
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: falta d’água

Arquivos de Tag: falta d’água

Utilidade Pública – Falta d’água nas ruas W-30 e W-56

Nesta tarde de segunda-feira (1º), devido ao rompimento acidental de uma adutora da Estação de Tratamento de Água (ETA) Pureza, localizada no bairro Gabiroba, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira informa que as ruas W-30 e W-56 estão com o abastecimento comprometido.

No entanto, técnicos da autarquia já atuam no local e o abastecimento será normalizado até amanhã (2).

Parceria Público-Privada – Prefeitura envia à Câmara projeto de solução definitiva para falta d’água em Itabira

O prefeito Ronaldo Magalhães, com o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira, enviou à Câmara de Vereadores, no início deste mês (8/3), o projeto de expansão do sistema municipal de abastecimento por meio da captação e tratamento de água do rio Tanque. A expectativa, agora, é que o Legislativo Municipal aprove a solução definitiva para a falta d’água itabirana.

Nesse projeto, o Município almeja captar água do rio Tanque, há 21 quilômetros de distância, acrescentando 200 litros por segundo (l/s) ao volume existente hoje, que, em produção normal, chega a 400 l/s. “Nosso objetivo é construir a Estação de Tratamento de Água (ETA) Rio Tanque e abastecer o novo reservatário instalado no bairro Campestre. Isso resolverá o problema por, pelo menos, mais 30 anos”, explicou Leonardo Ferreira Lopes, diretor-presidente do Saae.

A execução do projeto está orçada em aproximadamente R$ 53 milhões. Por isso, o caminho traçado é uma parceria público-privada (PPP), ainda inédita em Itabira. “Decidimos buscar investimentos privados em função da falta de dinheiro em nossa Prefeitura. A PPP é a única forma vista pela Administração para solucionar em definitivo este lamentável problema de falta de água”, ressaltou o diretor-presidente.

No projeto anterior, de 2015, o objetivo era captar 400 l/s, o que custaria cerca de R$ 80 milhões. Mas, de acordo com novos estudos técnicos, 200 l/s são suficientes para atender Itabira. Além disso, segundo Leonardo Lopes, havendo necessidade em aumentar a captação, o rio Tanque outorga até mil l/s conforme legislação vigente.

Falta d’água

O problema é crônico e os números do Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) do Saae não mentem. De acordo com dados da autarquia, em dezembro do ano passado o SAC registrou 3.160 chamadas para verificar a falta de água em alguma localidade de Itabira. O número corresponde a 60,55% de todas as chamadas recebidas. Em janeiro, por ser período de férias, esse percentual diminuiu e o Saae recebeu 1.566 reclamações sobre o mesmo tema.

Para a diretoria do Saae a única forma de resolver definitivamente o problema é aumentando o volume de água com a construção da ETA Rio Tanque. “A expectativa é que a obra elimine a infeliz e tradicional escassez de água vivenciada pela população. Além disso, irá proporcionar emprego, renda e diversificação econômica ao município”, avaliou Leonardo Lopes.

Histórico

O primeiro estudo sobre os problemas relacionados com a falta de água em Itabira foi realizado pela Prefeitura, em parceria com a mineradora Vale, no ano de 1993. Na época, a construção da ETA Rio Tanque foi apontada como a única solução viável a longo prazo. Vários estudos foram elaborados nessas duas décadas, sendo o último apresentado em 2015 e que também não saiu do papel.

Apenas em 2017, quando Ronaldo Magalhães reassumiu a gestão municipal, o projeto retornou à agenda de prioridades e para criar esta PPP o Município iniciou, há dois anos, o Processo de Manifesto de Interesse (PMI), onde empresas foram convidadas a produzir o modelo do projeto que será executado, sem custos para a Prefeitura.

Em seguida, depois do parecer favorável do Conselho Gestor de Parcerias Público-Privadas (CGP), uma consulta pública foi realizada, em 2018, para apresentar o projeto aos vereadores, especialistas e população em geral. Em junho do ano passado, foi sancionada a Lei Municipal nº 5.039, instituindo o Programa Municipal de Parcerias Público-Privadas. Atualmente, o projeto tramita na Câmara de Vereadores.

Foto: DeFato Online

Utilidade Pública – Falta de luz interrompe operações nas ETAs Pureza e Três Fontes

Na manhã desta terça-feira (19), o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira constatou a falta de energia elétrica nas Estações de Tratamento de Água (ETA) Pureza e Três Fontes.

No momento, os trabalhos na ETA Pureza estão reduzidos devido à baixa tensão e o Saae aguarda posicionamento da Companhia Enérgica de Minas Gerais (Cemig), comunicada no início da manhã, para solucionar o problema. Já na ETA Três Fontes, a operação está interrompida por falta de luz. No entanto, a Cemig garantiu o reestabelecimento da energia hoje, às 15 horas.

Em tempo

A ETA Pureza abastece os bairros Água Fresca, Praia, Juca Rosa, Jardim das Oliveiras, Santa Izabel, Santa Rosa, Abóboras, Água Fresca, Amazonas, Areão, Bálsamos, Bálsamos II, Barreiro, Bethânia, CDI, CDI II, Colina da Praia, Conceição de Cima, Conceição de Baixo, Cônego Guilhermino, Esplanada da Estação, Fênix, Gabiroba, Hamilton, Hamilton II, Jardim dos Ipês, João XXIII, Juca Batista, Machado, Madre Maria de Jesus, Major Lage de Baixo, Major Lage de Cima, Monsenhor José Lopes, Novo Amazonas, Panorama, Posto Agropecuário, Ribeira de Baixo, Ribeira de Cima, Santa Marta, Santa Ruth, Santa Tereza, São Bento, São Cristóvão, São Marcos, Valença, Vila Senhora do Carmo, Vila Piedade, Vila Piedade, Vila Prudêncio, Vila Salica, Vila Santa Rosa, Vila São Geraldo e Vista Alegre.

Utilidade Pública – Falta d’água nos bairros abastecidos pela ETA Pureza

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira comunica que a Estação de Tratamento de Água (ETA) Pureza parou de operar nesse domingo (17), devido à interrupção de energia elétrica provocada pelo forte temporal desta madrugada.

Embora a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) tenha solucionado o problema ainda no início da manhã, a população atendida pela ETA Pureza ficará sem água até que o abastecimento seja normalizado.

Os bairros atingidos são: Água Fresca, Praia, Juca Rosa, Jardim das Oliveiras, Santa Izabel, Santa Rosa, Abóboras, Água Fresca, Amazonas, Areão, Bálsamos, Bálsamos II, Barreiro, Bethânia, CDI, CDI II, Colina da Praia, Conceição de Cima, Conceição de Baixo, Cônego Guilhermino, Esplanada da Estação, Fênix, Gabiroba, Hamilton, Hamilton II, Jardim dos Ipês, João XXIII, Juca Batista, Machado, Madre Maria de Jesus, Major Lage de Baixo, Major Lage de Cima, Monsenhor José Lopes, Novo Amazonas, Panorama, Posto Agropecuário, Ribeira de Baixo, Ribeira de Cima, Santa Marta, Santa Ruth, Santa Tereza, São Bento, São Cristóvão, São Marcos, Valença, Vila Senhora do Carmo, Vila Piedade, Vila Piedade, Vila Prudêncio, Vila Salica, Vila Santa Rosa, Vila São Geraldo e Vista Alegre.

Utilidade Pública – Acidente da Cemig provoca falta d’água no bairro Amazonas

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira informa que o fornecimento de água no bairro Amazonas foi interrompido devido a um acidente com a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), ocorrido nesta segunda-feira (4).

Durante a instalação de um poste de energia, uma rede especial de água foi danificada. Por não dispor da peça, o conserto, conforme comunicado da Cemig ao Saae, será concluído na terça-feira (5), durante a manhã.

O Saae ressaltou ainda que o desabastecimento poderá afetar os bairros Abóboras, Água Fresca, Areão, Bálsamos I e II, Barreiro, Bethânia, CDI I e II, Clóvis Alvim I e II, Colina da Praia, Conceição de Cima e de Baixo, Cônego Guilhermino, Esplanada da Estação, Fênix, Gabiroba, Hamilton I e II, Jardim dos Ipês, João XXIII, Juca Batista, Juca Rosa, Machado, Madre Maria de Jesus, Major Lage de Baixo e de Cima, Monsenhor José Lopes, Novo Amazonas, Panorama, Posto Agropecuário, Praia, Ribeira de Baixo e de Cima, Santa Marta, Santa Ruth, Santa Tereza, São Bento, São Cristóvão, São Marcos, Valença, Vila Senhora do Carmo, Vila Piedade, Vila Prudêncio, Vila Salica, Vila Santa Rosa, Vila São Geraldo e Vista Alegre.

Utilidade Pública – Manutenção corretiva na ETA Pureza

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira comunica que a Estação de Tratamento de Água (ETA) Pureza passa por manutenção corretiva desde a manhã desta sexta-feira (1º/2), devido ao rompimento de uma adutora no bairro Gabiroba. Portanto, os bairros atendidos por esta estação ficarão sem água até a conclusão dos serviços, prevista para o final da tarde de hoje.

A interrupção vai abranger os bairros Abóboras, Água Fresca, Amazonas, Areão, Bálsamos I e II, Barreiro, Bethânia, CDI I e II, Clóvis Alvim I e II, Colina da Praia, Conceição de Cima e de Baixo, Cônego Guilhermino, Esplanada da Estação, Fênix, Gabiroba, Hamilton I e II, Jardim dos Ipês, João XXIII, Juca Batista, Juca Rosa, Machado, Madre Maria de Jesus, Major Lage de Baixo e de Cima, Monsenhor José Lopes, Novo Amazonas, Panorama, Posto Agropecuário, Praia, Ribeira de Baixo e de Cima, Santa Marta, Santa Ruth, Santa Tereza, São Bento, São Cristóvão, São Marcos, Valença, Vila Senhora do Carmo, Vila Piedade, Vila Prudêncio, Vila Salica, Vila Santa Rosa, Vila São Geraldo e Vista Alegre.

Utilidade Pública – ETA Três Fontes para de funcionar por falta de luz

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira comunica que a Estação de Tratamento de Água (ETA) Três Fontes, no bairro Pará, está sem energia elétrica desde às 18 horas desta sexta-feira (18). Uma equipe da Companhia Enérgica de Minas Gerais (Cemig) já está no local, mas ainda não informou quando o problema será solucionado.

Para evitar mais transtornos, é necessário que os moradores desta região façam uso consciente da água.

Contato

O Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC), bem como todo o sistema online da autarquia, opera de forma parcial. Em caso de urgência, ligar para: 115 ou 9 9765-4732.

Utilidade pública – Interrupção de energia prejudica abastecimento de água em bairros de Itabira

Os bairros Alto Pereira, Centro, Moinho Velho, Pará, Vila Amélia, Vila Santa Isabel e Vila São Joaquim estão com o abastecimento de água comprometido nesta segunda-feira (14), informou o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae). O problema ocorre por interrupção de energia elétrica no bairro Pará, a partir das 9 horas de hoje, o que impactou a produção da Estação de Tratamento de Água (ETA) Três Fontes.

Segundo o Saae, não houve comunicação prévia do caso pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). Procurada pela autarquia, a concessionária disse que a manutenção da rede elétrica deve perdurar até 13 horas. Assim, o abastecimento de água deve ser normalizado de forma gradual no decorrer da tarde.

Utilidade Pública – Manutenção corretiva na ETA Rio de Peixe

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira informa que a Estação de Tratamento de Água (ETA) Rio de Peixe passa por manutenção corretiva desde o início da madrugada de hoje (12/1). Portanto, os bairros atendidos por esta estação ficarão sem água até a conclusão dos serviços, prevista para o final da tarde deste sábado.

A ETA Rio de Peixe abastece os bairros Santa Ruth, Santa Marta, Monsenhor José Lopes, Valença, Fênix, Belvedere e João XXIII.

Utilidade Pública – Falta d’água nos bairros Praia e Chapada

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira informa que um vazamento, identificado nesta manhã (24), em uma adutora da Estação de Tratamento de Água (ETA) Pureza, localizada na rua Candidópolis, no bairro Água Fresca, causará falta d’água nos bairros Praia, Juca Rosa, Jardim das Oliveiras, Santa Izabel e Santa Rosa.

No entanto, a ETA Pureza abastece também os bairros Abóboras, Água Fresca, Amazonas, Areão, Bálsamos, Bálsamos II, Barreiro, Bethânia, CDI, CDI II, Colina da Praia, Conceição de Cima, Conceição de Baixo, Cônego Guilhermino, Esplanada da Estação, Fênix, Gabiroba, Hamilton, Hamilton II, Jardim dos Ipês, João XXIII, Juca Batista, Machado, Madre Maria de Jesus, Major Lage de Baixo, Major Lage de Cima, Monsenhor José Lopes, Novo Amazonas, Panorama, Posto Agropecuário, Ribeira de Baixo, Ribeira de Cima, Santa Marta, Santa Ruth, Santa Tereza, São Bento, São Cristóvão, São Marcos, Valença, Vila Senhora do Carmo, Vila Piedade, Vila Piedade, Vila Prudêncio, Vila Salica, Vila Santa Rosa, Vila São Geraldo e Vista Alegre. O conserto está em execução pela equipe de manutenção do Saae e a conclusão deverá ocorrer até o final do dia.

Já no bairro Chapada, a oferta de água é insuficiente. De acordo com o Saae, o abastecimento é realizado por meio de poço artesiano e o sistema não suportou o crescimento populacional do bairro nos últimos 12 anos. A autarquia informou, porém, que no próximo mês, uma ETA com capacidade de 10 litros por segundo – produção de água – será construída no Chapada. O equipamento foi adquirido este mês.

Scroll To Top