segunda-feira , 27 maio 2019
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: quadra

Arquivos de Tag: quadra

Parceria – Ronaldo Magalhães oficializa entrega de quadra para Speedy Fox

Depois de 13 anos, finalmente, a Associação dos Corredores de Rua de Itabira Speedy Fox recebeu, nesta manhã de sábado (12), a permissão de uso de um espaço público para desenvolver projetos que incentivam a população a praticar atividades físicas.

O prefeito Ronaldo Magalhães oficializou o decreto nº 2.146, publicado ontem (11/1), que dispõe um imóvel com mais de três mil metros quadrados – composto por quadra esportiva, área de lazer, banheiros e cômodo – localizado na rua Professora Maria Antonieta Bethônico, s/n, no bairro Novo Amazonas, para os corredores da Speedy Fox realizarem treinamentos, encontros e instalar também o seu departamento administrativo.

Demonstramos tamanha gratidão à Prefeitura por estar nos cedendo este espaço, que há muito tempo solicitamos aos órgãos públicos. Para nós, atletas, é de suma importância que tenhamos um ambiente salutar para executar os projetos e oferecer melhores condições aos corredores de rua”, agradeceu o tenente Adílson de Sá, diretor da Speedy Fox.

Para o prefeito, uma permissão de uso como a de hoje é a parceria que o Governo Municipal busca com a própria população para preservar os espaços públicos. “Isso é uma maneira de a Prefeitura se aproximar cada vez mais das entidades sérias, organizadas e comprometidas com o desenvolvimento social da cidade. Essa quadra foi construída há 16 anos e não teve um bom uso pela comunidade e, como a Speedy Fox procura há anos um espaço para instalar seu registro e ter um ponto de referência, entendemos que seria uma boa ação ceder o local para estas pessoas sérias que, em contrapartida, cuidarão e preservarão um bem público”, avaliou Ronaldo Magalhães.

De acordo com o documento, a Associação ficará responsável pelo imóvel durante 15 anos – manutenção, limpeza e despesas básicas (energia elétrica e água) – e, trimestralmente, terá que apresentar um relatório de atividades realizadas à Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude.

speedy_permi03

Speedy Fox

Hoje, com 546 filiados, a associação de corredores de rua completa 13 anos no próximo mês de maio. Os encontros acontecem semanalmente, às terças e quintas-feiras, na nova sede, onde os atletas são divididos por turmas. Os iniciantes começam pela caminhada, seguem para a equipe de caminhada avançada até ingressarem na corrida. A entidade oferece ainda turmas para crianças a partir de quatro anos.

Para participar é necessário preencher uma ficha de filiação, levar uma foto 3×4, apresentar um atestado médico de liberação para atividades físicas e contribuir com uma taxa única no valor de R$ 50. “Essa taxa é voltada para o próprio atleta nos eventos organizados pela associação, como os treinos longos, que oferecem mesa de frutas, água, sucos e energético”, explicou Cláudia Cristina Damasceno, relações públicas da Speedy Fox.

Com o projeto Corrente do Bem, que beneficia famílias de atletas carentes com cesta básica, leite, remédios e até equipamentos para pessoas com deficiência física, outro foco da associação é a responsabilidade social. “É uma ação nossa e já atendemos a diversas pessoas. Quero ressaltar que a Speedy Fox não faz distinção de classe social, religiosa ou política e qualquer pessoa poder fazer parte da nossa equipe”, concluiu Cláudia Damasceno.

speedy_permi

Termo de autorização – Prefeitura concede permissão de uso da quadra esportiva à Amapará

Na tarde de quinta-feira (9), o prefeito Damon Lázaro de Sena assinou o Decreto nº 2.632/14, que concede a permissão de uso da quadra de esportes situada na rua Antônio Coelho à Associação dos Moradores e Amigos do Bairro Pará (Amapará). O ato aconteceu em seu gabinete, com a presença dos secretários municipais Jadir Eustáquio do Espírito Santo (Chefe de Gabinete), Valquíria Pascoal de Souza Duarte (Ação Social), vereador Pacelli Eustáquio Silveira Moreira, representantes da entidade e imprensa.

A associação poderá utilizar o imóvel público por dez anos. O espaço servirá para a promoção e desenvolvimento de atividades desportivas e culturais, inclusive das escolas e projetos do Município. Não é permitido o uso com fins lucrativos ou empréstimo a terceiros. A entidade também ficará responsável pelas despesas de manutenção do local.

A presidente interina da Amapará, Maria Conceição Franco, disse que estava muito satisfeita em conseguir o espaço e agradeceu ao prefeito Damon Lázaro de Sena. Já o vereador Pacelli Moreira parabenizou aos moradores que sempre lutaram por isso e ao chefe do Executivo por atender ao pedido da associação.

Damon Lázaro de Sena enfatizou que, enquanto houver pessoas no bairro que se proponham a fazer o bem social, a quadra servirá para ótimas iniciativas. “Jovens do bairro Pará já me pediram para arrumar aquela quadra e fico feliz em assinar este termo de autorização para que vocês utilizem da melhor forma possível”.

Na ocasião, o prefeito enumerou as obras que a Prefeitura de Itabira têm realizado em prol do desenvolvimento e diversificação econômica da cidade e conversou sobre a reforma da praça do bairro Pará.

Parceria entre Prefeitura e comunidade – Com projeto-piloto do Governo, quadra é revitalizada no bairro Cônego Guilhermino

Por meio de um projeto-piloto do Governo Municipal, moradores revitalizaram a quadra de esportes do bairro Cônego Guilhermino, no último sábado (5). O local, que estava abandonado pela comunidade, ganhou uma nova aparência e mais segurança. Aproximadamente 50 pessoas do bairro se mobilizaram para essa iniciativa e a obra foi concluída em apenas cinco horas de trabalho.

O projeto, que ainda não tem nome definido, busca revitalizar as áreas públicas e aproximar ainda mais a administração municipal das comunidades. De acordo com o Ouvidor-Geral do Município, Milson Fernandes Júnior, a Prefeitura de Itabira disponibiliza todo o material necessário para a reforma e a população participa com a mão de obra.

A partir deste projeto-piloto, vamos desenvolver ainda mais a ação para que possa ser expandida para todos os bairros, inclusive zona rural. Desde o início, o prefeito Damon Lázaro de Sena pediu a aproximação das diversas secretarias municipais com a população. Sabemos que existe uma demanda reprimida nos últimos anos e que precisamos encontrar soluções para as comunidades. Desta forma, achamos interessante o Governo Municipal oferecer o material, além de disponibilizar alguns servidores para ajudar, e a sociedade participar com a mão de obra”, disse Milson Fernandes, que também trabalhou no local.

O Ouvidor-Geral acrescentou que a parceria entre a Prefeitura e a comunidade vai agilizar os trabalhos de revitalização: o processo se torna mais rápido, uma vez que não é necessário abrir uma licitação para operacionalizar as obras. “Além da rapidez de atendimento, um dos principais objetivos do projeto é envolver a população local nesta atividade, pois acreditamos que quem faz, cuida”, concluiu.

Essa é a mesma opinião de Edmar José da Silva, que mora no bairro Cônego Guilhermino há 40 anos. Para ele, se a comunidade não se envolver e cuidar do espaço onde está inserida, “uma coisa que é de todo mundo pode virar terra de ninguém. Então, alguns começam a depredar, a sujar, a usar o espaço para consumo de drogas, para furtos e coisas deste tipo. Por isso, o mais interessante é juntarmos crianças e adultos para fazer esta atividade, porque cada um que vier trabalhar também vai ajudar a cuidar”.

Ao assumir a Associação de Amigos do Bairro Cônego Guilhermino, a presidente Gislei Germano percebeu que várias coisas no bairro deveriam ser feitas, entre elas, proporcionar opções de lazer à comunidade. “Descobrimos que haviam invadido a quadra e que estava tudo quebrado: vidros, torneiras, vaso sanitário, faltava água e luz. Os adultos não podiam utilizá-la, devido a má conservação. As crianças ainda se arriscavam e corriam sérios risco de se machucarem. Após algumas reuniões, resolvemos que iríamos revitalizar a quadra. Além disso, todos nós gostamos de um ambiente bonito e agradável. E o local bonito e mais seguro é melhor para todo mundo”.

Gislei Germano destacou a parceria da Prefeitura com a comunidade nessa iniciativa. “É ótimo participar deste projeto-piloto, porque conseguimos o material e a mão de obra. Somos todos voluntários. A comunidade abraçou a causa, aqueles que puderam participar contribuíram muito. Sabemos que, sem o apoio da Prefeitura, seria praticamente impossível realizar esta ação. O Governo Municipal foi de fundamental importância. Acreditamos que a manutenção do local fica por conta da comunidade. Mas, com certeza, a comunidade sozinha não daria conta. Sem o apoio do governo,  as comunidades caminham, mas com muito mais dificuldade. Posso dizer que fomos privilegiados”, declarou a líder comunitária.

 

Scroll To Top