terça-feira , 21 maio 2019
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: sintomático respiratório

Arquivos de Tag: sintomático respiratório

Conscientização – Prefeitura promove atividades na luta contra a tuberculose

O dia 24 de março foi instituído como o Dia Mundial da Combate à Tuberculose. A data foi criada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em 1982, em homenagem aos 100 anos do anúncio do descobrimento do bacilo causador da doença pelo médico Robert Koch. A Prefeitura de Itabira, com o objetivo de conscientizar a população sobre os sintomas e prevenção da tuberculose, realiza, ao longo dos meses de fevereiro e março, uma série de atividades para a população.

Entre as ações, o público contará com informativos sobre a doença, cartazes e divulgação em rádios locais, além da atuação junto à Medicina do Trabalho de diversas empresas do município. Também está prevista, para o próximo dia 28, uma reunião no Programa de Educação Permanente (PEP) com médicos e enfermeiros a fim de conseguir apoio na busca ativa de sintomáticos respiratórios (pessoas com tosse por três semanas ou mais).

Outras ações já foram desenvolvidas como reuniões com a Superintendência de Atenção Básica e com o gabinete da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com o objetivo de aprovar o plano de ação, formulado após o diagnóstico situacional do Programa de Tuberculose em Itabira”, disse a superintendente de Vigilância em Saúde, Thereza Cristina Oliveira Andrade Horta.

Segundo estimativas da OMS, um terço da população mundial está infectada pelo bacilo Mycobacterium tuberculosis e em risco de desenvolver a doença. Existe cerca de 8,8 milhões de pessoas doentes e 1,1 milhão de mortes por ano no mundo. Embora seja uma doença que possa ser prevenida, tratada e curada, a cada ano são notificados aproximadamente 70 mil novos casos e ocorrem cerca de 4,5 mil mortes no Brasil.

A transmissão da tuberculose ocorre a partir da inalação de aerossóis oriundos das vias aéreas, durante a fala, espirro ou tosse das pessoas com tuberculose ativa (pulmonar ou laríngea), que lançam no ar partículas em forma de aerossóis que contêm bacilos. Cada paciente com tuberculose pulmonar que não faz o tratamento adequado pode infectar, em média, 10 a 15 pessoas por ano. Alguns fatores contribuem para espalhar a doença como a pobreza, a aids, desnutrição, más condições sanitárias e alta densidade populacional.

O principal sintoma é a tosse seca ou produtiva. Por isso, é recomendado que todo sintomático respiratório seja investigado para tuberculose. Há outros sinais e sintomas que podem estar presentes, como: febre vespertina, sudorese noturna, emagrecimento, cansaço/ fadiga.

Caso o indivíduo apresente sintomas de tuberculose, é fundamental que procure a unidade de saúde mais próxima de sua residência para a avaliação e realização dos exames. Se o resultado for positivo, deve-se iniciar o tratamento o mais rápido possível e segui-lo até o final.

Para outras informações sobre a doença, a Prefeitura disponibiliza o Programa de Tuberculose: (31) 3839-2870.

Scroll To Top