terça-feira , 21 agosto 2018
Você está aqui: Capa | Arquivos do Autor: Natália Sant'Ana

Arquivos do Autor: Natália Sant'Ana

Utilidade Pública – Transita altera estacionamento na rua Alfredo Sampaio

A Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita) da Prefeitura comunica alteração no estacionamento da rua Alfredo Sampaio, no bairro Pará. A partir desta terça-feira (21), será permitido estacionar apenas no lado direito da pista (para quem sobe sentido Centro/bairro). Além disso, os condutores devem ficar atentos para as proibições de parar e estacionar próximo ao semáforo, a partir do número 25. Já para quem desce a via, o estacionamento está liberado até o número 20, sendo proibido encostar até o número 156. Neste primeiro momento, devido a alteração, o local estará sinalizado, contando também com o auxílio dos agentes de trânsito.

Ainda no ano passado, para minimizar os transtornos e facilitar a circulação de veículos e ônibus, placas de “estacionamento proibido” foram instaladas em um dos lados da rua Alfredo Sampaio, ação com resultado positivo que será mantida. No entanto, atendendo solicitação dos moradores e comerciantes, outro estudo técnico indicou a necessidade desta nova alteração que, segundo a Transita, garantirá mais conforto, segurança e mobilidade nesta região.

Melhoria no atendimento à população – Secretaria Municipal de Saúde recebe sete novos veículos

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Itabira recebeu sete novos veículos para auxiliar no atendimento à população e proporcionar mais estrutura ao trabalho desenvolvido pelos servidores municipais. Os automóveis (cinco picapes Oroch e dois Chery QQ) foram doados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), por meio de convênios não executados desde 2014. O prefeito Ronaldo Magalhães e os secretários municipais Ilton Magalhães (Governo) e Rosana Linhares Assis Figueiredo (Saúde) oficializaram a entrega dos veículos, ocorrida na manhã desta quarta-feira (15), no bairro Campestre.

Os veículos chegaram em boa hora, já que vivenciamos um momento de parcos recursos. Ao assumirmos a gestão, identificamos convênios sem execução e fomos atrás dessas possibilidades”, explicou Rosana Linhares. De acordo com a secretária, cinco picapes atenderão a Superintendência de Vigilância em Saúde para os serviços de controle de endemias, vetores e agravos. Os outros dois (Chery QQ) auxiliarão a Superintendência de Ações em Saúde, sendo um para o departamento de Saúde Mental e outro para as unidades de saúde.

Para Ronaldo Magalhães, os automóveis adquiridos representam “mais uma” conquista do Governo Municipal diante da crise financeira do Estado. “Apesar de toda a dificuldade, estamos avançando. No ano passado, os investimentos com a Saúde Municipal corresponderam a 29% do orçamento e a saúde ainda não está excelente. Mas, o que temos feito é isso: buscar recursos, bater de porta em porta, em todas as portas possíveis para a gente avançar”. O prefeito ressaltou ainda os esforços em Brasília para garantir emendas parlamentares. “A remuneração do SUS (Sistema Único de Saúde) não é a ideal e isso reflete no nosso orçamento porque temos que contribuir. Por exemplo, o gasto com os dois hospitais (Nossa Senhora das Dores e Municipal Carlos Chagas) é de R$ 7 milhões por mês. O momento é esse, mas temos esperança de resultados melhores e continuamos nos esforçando em Brasília para conseguir verbas”, finalizou Ronaldo Magalhães.

Ronaldo_Rosana

Nova rede – Prefeitura resolverá falta d’água na região do bairro Hamilton

A partir de hoje (14), os moradores da região do bairro Hamilton receberão uma carta do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira comunicando o início das obras de substituição da rede de água na próxima segunda-feira (20). Esta subadutora, quando rompida, impede também o abastecimento dos bairros Machado, João XXIII, Valença e parte do Amazonas.

Serão refeitos cerca de mil metros de rede com nova tubulação em ferro fundido, substituindo o PVC. O novo material, como explicou Leonardo Ferreira Lopes, diretor-presidente do Saae, é mais adequado para suportar a pressão da água nesta região, fato que reduzirá “drasticamente” os riscos de vazamentos. “Há alguns anos o Saae tem problemas com esses rompimentos, porque é uma rede mais velha e não dimensionada para a pressão (de água). No final do ano passado, tivemos sérios problemas com o abastecimento nesses locais”. O diretor-presidente declarou ainda que esta obra foi motivada a partir do sofrimento vivenciado pela população. “Foram seis dias sem água para os moradores de cinco bairros praticamente”.

O serviço será concluído em até cinco meses. No entanto, a previsão do Saae é de terminar em 45 dias. “Se não tiver surpresa pelo caminho, já que em Itabira as redes são antigas e os ativos de saneamento são enterrados e não havia a preocupação de fazer o cadastro para localizá-las”, explicou Leonardo Lopes. Devido aos transtornos que a obra causará, a autarquia terá o apoio da Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita) para organizar o tráfego.

Obra

Será executada na rua Daniel Jardim de Grisolia, em três fases. O primeiro trecho compreenderá o início da rotatória com a avenida Brasil até a rotatória da rua Santinho Linhares. Em seguida (fase dois) os serviços continuarão até a travessa Avelar Machado. Este trecho ficará liberado para os veículos que descem, sentido bairros Valença e Machado. Para subir, sentido bairro Amazonas, os condutores serão desviados para a travessa Avelar Machado e rua Santinho Linhares, retornando então, à rua Daniel Jardim de Grisolia.

Na última fase, a obra seguirá até a rotatória com a rua Gameleira. Por se tratar de um local com trânsito mais “complexo” e sem vias de acesso próximas, segundo Edivânia Fernandes das Mercês, diretora de Educação e Controle de Trânsito, será utilizado o sistema de pare e siga. Além disso, agentes de trânsito estarão na região para orientar motoristas e pedestres.

Utilidade Pública – Falta d’água na localidade Areias

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira comunica que nesta quarta-feira (15), o abastecimento de água na localidade Areias, região do bairro Chapada, será interrompido para execução de manutenção preventiva no poço artesiano local. O retorno da água está previsto para quinta-feira (16/8).

Ato de solidariedade – Leite arrecadado no Festival de Inverno atenderá entidades cadastradas no Banco Municipal de Alimentos

Nesta terça-feira (14), às 15 horas, o Banco de Alimentos Municipal, instalado e sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SMAA) – rua Santana, nº 410, no bairro Penha –, receberá 2.409 litros de leite arrecadados entre os dias 20 e 29/7, durante o 44º Festival de Inverno de Itabira.

Para que a doação chegue às 13 entidades, além da Secretária Municipal de Educação (SME), para contemplar cerca de 15,7 mil pessoas, é necessário que os leites sejam analisados pelos técnicos do banco de alimentos, que verificarão a validade e a integridade das embalagens. “Essa triagem é importante porque temos que separar os produtos prestes a vencer e agilizar o seu consumo. Por outro lado, fazemos parte do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Sisan), uma política pública federal que fomenta e destina recursos para os bancos se todos os quesitos de segurança alimentar forem cumpridos”, explicou William Gazire, secretário de Agricultura e Abastecimento que, esclareceu ainda, o critério de divisão dos leites. “A quantidade para cada entidade será proporcional ao número de pessoas que atendem”.

O repasse dos leites à SMAA contribui também para o percentual de alimentos que o banco precisa captar por conta própria, de acordo com as normas do Sisan. “Para nos mantermos no sistema nacional e receber os benefícios, nosso desafio é captar 25% dos alimentos que tramitam no banco e o melhor caminho são pelas doações”, ressaltou William Gazire. Por ano, segundo ele, passam aproximadamente 100 toneladas de alimentos pelo Banco Municipal.

Esta é a segunda vez que o Banco de Alimentos recebe doação obtida por meio de grandes eventos realizados na cidade. No ano passado, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Itabira, que promoveu a Exposição Agropecuária de Itabira (Expoita), arrecadou 1,6 tonelada de alimentos destinados às mesmas entidades itabiranas. “Então, sempre pedimos e reforçamos que as doações sejam direcionadas ao banco”, finalizou o secretário.

Quem recebe

A Prefeitura assiste, por meio do Banco Municipal de Alimentos, as seguintes entidades: Associação de Proteção à Maternidade e Infância de Itabira (APMI), Cáritas Diocesana, Conselho Municipal do Bem Estar do Menor (Combem), Lar de Ozanam, Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Associação de Proteção à Infância Nosso Lar, hospitais Municipal Carlos Chagas (HMCC) e Nossa Senhora das Dores (HNSD), Associação Municipal Assistencial Itabirana (Amai), um Centro de Referência Especializado em Assistência (CREA) e quatro centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

Saiba mais

Os ingressos para algumas atrações da 44ª edição do Festival de Inverno estavam condicionados às doações de leite ou livros infantis. Durante os 10 dias de evento, a Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) arrecadou 2.432 litros de leite e 1.531 livros. Deste total de leite, 23 litros foram repassados ao projeto Drummonzinhos e 2.409 ao Banco de Alimentos Municipal. Já os livros, 1.222 foram divididos entre as 18 unidades de Centro Municipal de Educação Infantil (Cemei) e a brinquedoteca do HNSD. 199 obras ficaram no acervo da Biblioteca Pública Municipal Luiz Camillo de Oliveira Netto e as 110 restantes serão usadas em projeto de extensão cultural.

Foto: Euclides Eder

Diversão garantida – 6º Festival de Pipas premiará participantes mais criativos

Para os amantes das pipas, pandorgas e “soltadores de papagaio”, a Prefeitura de Itabira preparou o 6º Festival de Pipas, dia 26/8 (domingo), das 8 às 13 horas, no Pico do Amor – bairro Campestre. Quem quiser participar, independente da idade, deverá se inscrever a partir desta terça-feira (14), na Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (SMELJ), localizada no Ginásio Poliesportivo Maestro Silvério Faustino, ou no dia do evento, das 8 às 9h30.

O festival, de acordo com a SMELJ, tem como finalidade incentivar a criação de pipas e despertar o lado infantil dos participantes, sejam adultos ou crianças. Além disso, promover a consciência ambiental, já que o regulamento da competição não permite o uso de plástico, cerol, linhas de anzol, nylon ou materiais que agridam a natureza na confecção das pipas.

Acredito que o festival será um especial momento de lazer e recreação para toda a família e, também, estimula o interesse pelas atividades tradicionais que agora são consideradas alternativas”, avaliou José Gonçalves Moreira, secretário da SMELJ.

Competição

Serão premiados os 1º e 2º lugares das seguintes categorias: maior e menor pipa, participante mais novo e mais velho, engenhosidade, manobra e, ainda, o destaque do evento. Quatro jurados irão avaliar as pipas no chão e no ar. Elas deverão ainda, permanecer voando no mínimo cinco minutos e no máximo dez. Os maiores e menores papagaios também terão que voar, mesmo que por um tempo inferior às demais. No dia do festival haverá oficina para instrução e confecção e Hospital das Pipas para aquelas pipas que sofrerem algum estrago antes das provas.

Confira o regulamento completo no seguinte link.

 

Utilidade Pública – Abastecimento de água interrompido no bairro Chapada

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira informou que o abastecimento de água no bairro Chapada foi interrompido devido ao rompimento dos cabos de energia elétrica da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), nesta manhã de quinta-feira (9), provocado por um acidente de trânsito no local. No momento, o Saae não tem previsão de retomar o fornecimento de água, pois depende da Cemig para corrigir o cabeamento danificado.

Novas 200 vagas – Ronaldo Magalhães anuncia mais vagas na educação infantil

Durante a inauguração das novas instalações do Centro Municipal de Educação Infantil (Cemei) Stella Lage Rosa (rua Estrela, nº 55, bairro Água Fresca), no final da tarde desta quarta-feira (8), o prefeito Ronaldo Magalhães afirmou que outras creches também serão ampliadas.

Desde 2017, como informou José Gonçalves Moreira, secretário municipal de Educação, o Governo Municipal aumentou cerca de 20% a oferta de vagas na Educação Infantil. “A rede infantil municipal ficou parada por quatro anos e, desde o ano passado, já abrimos mais 200 novas vagas, 50 aqui (Stella Lage) e as demais nos centros dos bairros Nova Vista, Boa Esperança e Bethânia”.

Para o prefeito Ronaldo Magalhães, esta ampliação se tornou realidade devido ao planejamento nas áreas consideradas prioritárias em sua gestão. “Elaboramos um plano dentro da educação, saúde, assistência social e, apesar de não ser função municipal, da segurança pública. Eu entendo que a educação é uma das principais ferramentas para o melhor desenvolvimento da nossa juventude. A escola não vai transformar, mas pode contribuir com a mudança e a cidadania, que começam nos primeiros anos de vida”. O prefeito anunciou ainda a retomada das obras em quatro centros: Boa Esperança, Fênix, Barreiro e Gabiroba. Esta última, segundo ele, irá oferecer mais 150 vagas.

Aumentar mais 50 vagas, segundo Ester Prado, coordenadora do Cemei Stella Lage, além de beneficiar a comunidade aliviando a lista de espera, ofereceu mais conforto aos alunos. “De três turmas, passamos para sete, os cômodos são mais espaçosos e o número de funcionários também cresceu. Os moradores têm muitos motivos para comemorar”, afirmou a coordenadora.

cemei_stella3

Educação Infantil

Para readequar o Cemei Stella Lage foram investidos aproximadamente R$ 15 mil dos cofres públicos. O aluguel da antiga Casa Paroquial, transformada em anexo da creche, é R$ 1,8 mil.

Cerca de 22 funcionários são necessários para desenvolver as atividades no Cemei, que abrangem alimentação e projeto pedagógico. De acordo com Ester Prado, uma vez por semana a creche recebe a visita de uma nutricionista, que define o cardápio dos alunos. “A rotina das crianças começa às 7 horas com o café da manhã, antes do almoço oferecemos frutas e mamadeira com suplemento alimentar. No período da tarde, elas têm mais duas refeições, tomam banho e ficam prontas para os pais às 16 horas”. Ao longo do dia também são realizadas as atividades pedagógicas como as cantigas que atuam no desenvolvimento da linguagem oral; desenhos livres e trabalhos com “massinha” de modelar para contribuir na evolução motora; atividades lúdicas, cinema e contação de histórias. “Existe um protocolo de desenvolvimento infantil para cada aluno e, no final do período, os pais recebem um boletim com todas essas informações referentes à evolução da criança nas diversas áreas”, explicou a coordenadora.

Até o momento, o Município conta com 18 centros de Educação Infantil e 260 funcionários para atender crianças entre seis meses e três anos de idade. São oito creches municipais com 448 alunos e dez conveniadas atendendo a 573 crianças, totalizando então, 1.021 alunos.

cemei_stella2

Ampliação – Itabira passa a contar com 22 leitos de UTI

Com a inauguração da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Luiza da Silva Ramos, segunda do Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD), realizada ontem (7), a Prefeitura projeta Itabira para o futuro quase dobrando a capacidade de atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) no município.

A ampliação dos leitos de tratamento intensivo, para Ronaldo Magalhães, “abre portas” para outras especialidades. “Fomos a Brasília várias vezes para conseguir essa autorização da nova UTI, como também para a radioterapia, que em breve estará aqui. Também estamos começando o trabalho para avançar na questão da melhoria de estrutura da hemodiálise e do credenciamento da cirurgia cardiovascular, que são demorados infelizmente”, declarou o prefeito.

De acordo com Alexandre Coelho, diretor executivo do HNSD, “a decisão beneficia em muito a população”. O projeto iniciou em 2012, quando a instituição firmou convênio com a Secretaria de Estado da Saúde (SES) de Minas Gerais para a construção da unidade, que custou cerca de R$1 milhão e também contou com complementação de recursos do HNSD, além do apoio do Ministério da Saúde para os equipamentos. Após equipada, a Vigilância Sanitária do Estado emitiu o alvará sanitário, que permitiu a abertura dos leitos. “Porém, não tínhamos ainda o credenciamento do Ministério da Saúde, responsável pela autorização e financiamento que possibilitaria o custeio das diárias de cada leito da UTI” que, segundo Alexandre Coelho, surgiu esse ano e mediante a contrapartida do município, tornou possível essa disponibilidade de leitos ao SUS.

Já a secretária municipal de Saúde, Rosana Linhares, salientou que a nova unidade confirma a possibilidade de crescimento do setor de saúde no município. “Trazer 10 novos leitos SUS de UTI é mais que dobrar a capacidade de salvamento para pacientes críticos, sejam clínicos ou cirúrgicos, o que é importantíssimo.” A secretária ressaltou ainda que com esses novos leitos há também uma possibilidade para nova melhoria que beneficiará não só o município. “Como atualmente os pacientes graves da assistência suplementar que adentram ao PSMI têm disputado as vagas dos leitos UTI SUS no município, há um movimento próprio, através da Comissão Intergestores Regional (CIR), para que em breve futuro seja solicitada autorização ao Ministério da Saúde, na intenção de remanejar quatro desses leitos SUS para o Hospital Municipal Carlos Chagas, o que além de otimizar a estrutura existente atual no HMCC, protegerá e conservará os leitos SUS para seus usuários e possibilitará a existência de mais 4 leitos no HNSD para assistência suplementar. A cidade ganhará novamente”, avaliou Rosana Linhares.

UTI_HNSD3

UNIDADE UTI 2

A nova UTI foi batizada com nome de Luiza da Silva Ramos, ex-funcionária do HNSD. A homenagem foi prestada pela Irmandade, por meio do bispo Dom Marco Aurélio e do prefeito Ronaldo Magalhães. Presente na solenidade de ontem, Luiza Ramos, que trabalhou 55 anos no hospital, se emocionou com o reconhecimento. “Não consigo explicar como estou emocionada. Dediquei parte da minha vida aqui e faria tudo novamente”, disse a ex-funcionária visivelmente emocionada.

Para Ronaldo Magalhães, conseguir colocar essa UTI em funcionamento na cidade, em meio a tantos hospitais e Unidades se fechando, significa que “provamos para o Ministério da Saúde que Itabira é uma cidade de referência regional e, por isso, temos que sempre nos preparar para oferecer o melhor. Nós atendemos 29 municípios das três microrregiões. Além disso, tem o SUSfácil que registra o atendimento a pessoas de várias partes do estado. É isso que mostramos em Brasília e por isso conseguimos avançar”, concluiu o prefeito.

UTI_HNSD2

Circuito do Ouro – Itabira ganha novas placas turísticas

A partir desta terça-feira (7), nova sinalização turística autorizada pela Prefeitura de Itabira será instalada em locais estratégicos do município para indicar roteiros do Circuito do Ouro. Ao todo serão 35 placas produzidas pelo Circuito e patrocinadas pela financeira Elo, que proporcionarão mais facilidade e segurança à circulação dos visitantes.

Cada placa personalizada indicará as atrações do roteiro “Entre Ruralidades e Personalidades”. Por exemplo, a primeira, que será colocada na entrada do distrito Senhora do Carmo, informará o sentido e a distância das cachoeiras dos Marques e do Bongue; das serras dos Alves e das Bandeirinhas e, do Centro de Tradições. No layout da placa constará também um pequeno mapa da região.

Locais

A nova sinalização, com previsão de ser concluída nesta sexta-feira (10), também estará presente nas estradas de acesso às serras dos Alves e dos Doze; rampa de vôo livre, Morro Redondo, Macuco, Parque Estadual do Limoeiro, Mata Natural Municipal de São José, usina hidrelétrica São José e Ribeirão de São José; cachoeiras Alta e Patrocínio; nas entradas dos distritos Ipoema via estrada do Bamba e Senhora do Carmo via Itambé.

No perímetro urbano, indicando o centro histórico de Itabira, placas serão colocadas nas entradas da cidade com acesso pelos bairros Gabiroba, Areão; avenida Li Guerra, no bairro Praia e avenida João Soares da Silva, no Campestre.

Scroll To Top