sábado , 25 maio 2019
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: 1º coworking público de Minas Gerais

Arquivos de Tag: 1º coworking público de Minas Gerais

Entre as 30 finalistas – Itabira concorreu ao X Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

Na noite desta terça-feira (13/11), em Belo Horizonte, o prefeito Ronaldo Magalhães participou da cerimônia de premiação da 10ª edição do programa Prefeito Empreendedor, promovido pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Também estiveram presentes o secretário José Don Carlos Alves Santos (Desenvolvimento Econômico) e o assessor José Wilson Campos (Projetos e Captação de Recursos).

De acordo com o prefeito, esta foi a segunda vez que Itabira concorreu ao prêmio, já que em 2002, em seu primeiro governo, a cidade também foi finalista. “Esse prêmio é interessante porque traduz a motivação dos projetos municipais. Tudo acontece nos municípios. Apesar dos grandes orçamentos e todas as verbas do Governo Federal, quem trabalha e luta junto às comunidades, são os municípios”, destacou Ronaldo Magalhães.

Neste ano, com o projeto ItabiraHUB, primeiro coworking público do estado, Itabira concorreu na categoria Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico e ficou entre os 30 finalistas. No total, foram 106 prefeituras inscritas, 96 projetos habilitados e apenas oito vencedores. “Itabira ficou bem classificada, foram mais de 100 projetos apresentados e chegamos novamente à final. Isso representa o trabalho que estamos fazendo, principalmente na área de tecnologia, buscando parcerias com as faculdades e com a Unifei para desenvolver as startups que contribuem para o desenvolvimento econômico da nossa região e talvez até do Brasil, pois são poucos os coworkings públicos”, avaliou o prefeito.

Para o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae Minas, Teodomiro Diniz Camargos, os projetos desenvolvidos pelas prefeituras resultam em municípios mais independentes e autônomos. “Para o Sebrae hoje é um dia de festa porque nosso objetivo é incentivar cada vez mais os 853 municípios. Esse prêmio traz à mostra todo o suor que os prefeitos têm despendido para fazerem a administração pública mais eficiente e resgatar a nação”, concluiu.

Apesar de não ter ganhado o prêmio, Itabira como finalista recebeu um certificado de eficiência do Sebrae e receberá também uma consultoria completa do projeto inscrito, contendo análise e sugestões para evoluir ainda mais.

Sebrae_XPREMIO2

Prefeito Empreendedor

É um programa de reconhecimento aos prefeitos e administradores regionais que implantaram projetos com resultados comprovados com foco no desenvolvimento dos pequenos negócios do município. São avaliados projetos que promovem sustentabilidade, acesso ao crédito, políticas voltadas aos microempreendedores, aumento da produtividade, comércio local, produção rural e estímulo à cultura.

Iniciativa reconhecida – ItabiraHub como produto de exportação: coworking da Prefeitura de Itabira é destaque em Cuiabá

O ItabiraHub conquistou referência nacional como modelo de inovação e estímulo aos negócios na esfera pública. A iniciativa da Prefeitura de Itabira foi destaque no evento “Cidades Inovadoras”, realizado na sexta-feira (29) no Parque Tecnológico de Cuiabá, no estado do Mato Grosso. O coworking municipal foi reconhecido e aplaudido pelos participantes como um produto eficiente de gestão.

O case de sucesso foi apresentado no evento durante a tarde pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo de Itabira (SMDECTIT), José Don Carlos, convidado do painel “Inovação Tecnológica na Gestão Pública”.

O Cidades Inovadoras é promovido pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Mato Grosso e o Parque Tecnológico Mato Grosso. O ciclo de painéis e debates começou na quinta-feira (28), com presença de autoridades e expoentes da área de todo o País. Todo o custeio da ida de Don Carlos ao centro-oeste brasileiro foi da organização do evento.

Pioneiro, o ItabiraHub completa um ano e as celebrações ocorreram na semana que passou. O ambiente é o primeiro coworking público de Minas Gerais e o segundo do Brasil (o primeiro foi inaugurado em Curitiba, no Paraná). O município fornece a startups locais estações compartilhadas de trabalho sem qualquer custo, onde há salas com internet, impressoras, mesas, cadeiras, material de escritório, telefone fixo, atendente permanente e instalações de apoio. O portal “Minas In Tech” elenca o ItabiraHub entre os cinco melhores espaços de coworking do estado.

Don Carlos ressalta que o coworking foi um divisor de águas no campo do empreendedorismo e busca pela diversificação econômica local. Segundo ele, o sucesso da iniciativa aconteceu graças ao chamado conceito “Tríplice Hélice da Inovação”, uma abordagem que engloba o governo local, as universidades e empresas como promotores da inovação.

Itabira passou a ser vista não somente pela vida e obra de Carlos Drummond de Andrade e por ser berço da Vale, como também por ser um território fértil à inovação e tecnologia no interior mineiro. A cidade se tornou referência graças a uma soma de esforços do poder público, o polo universitário, instituições de ensino médio e técnico, Sistema S (Senai, Sesi, Senac, Sebrae, etc) e entidades civis organizadas, como Acita e CDL”, conclui o titular da SMDECTIT.

Por Wesley Rodrigues

1º coworking público de Minas Gerais – Apresentações encerram celebração do primeiro ano de funcionamento do ItabiraHub

Compartilhar conhecimento foi a atividade do dia no encerramento das comemorações pelo aniversário do ItabiraHub. O evento, que reuniu autoridades, parceiros, empresários, professores e estudantes, foi realizado na Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), onde também está instalado esse coworking público, o primeiro de Minas Gerais e o segundo do Brasil inaugurado por uma administração pública.

Responsável pela gestão do coworking itabirano, José Don Carlos Alves Santos, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT), apresentou a trajetória do empreendimento em seu primeiro ano de vida. “Nós fomos atrás das melhores referências no país para criar o nosso ItabiraHub. Isso, porque precisamos e estamos fomentando as ideias inovadoras que surgiram das startups residentes aqui”. Ainda segundo ele, a Prefeitura também buscou parcerias com as instituições de ensino e com o Governo Estadual para colocar em prática a mentalidade empreendedora no município. “Além das referências, participamos e realizamos eventos que apoiam a criação de startups”, ressaltou o secretário.

Para Ronaldo Magalhães, apesar de Itabira ainda ser dependente da mineração, a criação do ItabiraHub é uma ação do Governo Municipal que incentiva novas atividades. “É nossa obrigação buscar alternativas econômicas e, hoje, com a tecnologia avançando a passos largos, a nossa primeira decisão foi caminhar junto com as startups”. O prefeito disse acreditar também que o ItabiraHub ainda será referência no país. “Estamos comemorando apenas o primeiro ano do coworking, que ainda é um bebê e, devagar, vai crescer. Daqui a pouco seremos um exemplo para o Brasil”, concluiu Ronaldo.

Atividades

A troca de experiências proposta pelo painel Inovação e Desenvolvimento Econômico foi mediado pela professora Lilian Campos, da Universidade Federal de Itajubá e contou com as participações de Guilherme Marinho Elias Silva, coordenador de projetos de biotecnologia da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes); Marcos David, Ceo da startup Dágora; Flávio Calado, analista de Inovação do Grupo Ânima; Emmeline Lucena, gerente regional do Programas Comunitários da Techstars e Júlio Figueiredo, Ceo das startups Timob e Pop Recarga.

As startups residentes do ItabiraHub – Fluent, Insa, Inssert, Cabe+1, Rodoppens, ClubPetro Fidelidade e Compliance – também apresentaram suas atividades e as dependências do coworking municipal.

Desenvolvimento Econômico – ItabiraHub encerra comemorações de aniversário com painel de apresentações

Nesta quinta-feira (28), a partir das 9 horas, no auditório da Secretaria Municipal de Meio Ambiente – Mata do Intelecto, a Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT), encerrará as comemorações do primeiro ano de vida do ItabiraHub.

Depois da solenidade com o prefeito Ronaldo Magalhães e demais autoridades, as startups residentes do coworking municipal, empresários, empreendedores e agentes de outros ecossistemas – ambientes que contribuem para o desenvolvimento de novas ideias – participarão do painel Inovação e Desenvolvimento Econômico, mediado pela professora de empreendedorismo da Universidade Federal de Itajubá (Unifei), Lilian Campos. A programação seguirá até as 17 horas e outra atração será a banca de apresentações e avaliações das empresas que utilizam os escritórios compartilhados do ItabiraHub. O evento será finalizado com um passeio pelos pontos turísticos de Itabira, incluindo parte dos Caminhos Drummondianos.

Atividades

As comemorações pelo aniversário do ItabiraHub começaram ainda no mês de maio, quando o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) de Minas Gerais, em parceira com a Prefeitura, promoveu o curso de Design Thinking para as startups itabiranas e, em junho, o workshop Processo Criativo, com apresentações, oficinas e outras capacitações para ajudar os empreendedores a desenvolverem mais suas ações no mercado itabirano e de outras cidades.

ItabiraHub

Uma ação pioneira da Prefeitura, o ItabiraHub é o primeiro coworking público de Minas Gerais e o segundo do Brasil. Os escritórios compartilhados do município, inaugurados em maio de 2017, têm como objetivo fomentar o desenvolvimento das empresas e o empreendedorismo local. Para isso, o espaço oferece completa infraestrutura de trabalho: salas com internet, impressoras, mesas, cadeiras, material de escritório, telefone fixo, atendente permanente e instalações de apoio. Além desta redução do custo operacional, a modalidade promove, ainda, networking, colaborativismo e trocas de informações entre as equipes.

Prefeitura recebe novas startups e abre mais vagas para o coworking Itabira Hub

Nesta sexta-feira (12), às 10 horas, no auditório do paço municipal, as startups selecionadas para o coworking Itabira Hub irão assinar um termo de responsabilidade com a Prefeitura.

Além disso, segundo Emerson Ferreira, superintendente de Ciência, Tecnologia e Inovação, o evento marcará o início das atividades das empresas no espaço. “Nesta recepção, daremos boas-vindas às startups e conversaremos sobre as regras de convivência e utilização do coworking. Será um bate-papo para sanar as dúvidas e também reforçar o papel de cada um nesta empreitada.”. Também participarão desta apresentação, equipes da Universidade Federal de Itajubá (Unifei), do Sebrae/MG e do Senai.

No ano passado, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT), a Prefeitura publicou o edital de chamamento público (002/2017) e selecionou cinco empresas – Fluent, Issert, Rodoppens, Insa e Cabe +1 – para ocupar os escritórios compartilhados por até dois anos.

Edital

A Prefeitura irá receber até o dia 9 de fevereiro, propostas de empresários e empreendedores interessados em participar da segunda rodada de seleção para a utilização do espaço de coworking Itabira Hub. De acordo com o edital (001/2018), o objetivo é selecionar pessoas jurídicas qualificadas como organização da sociedade civil sem fins lucrativos, microempreendedores individuais, microempresas e empresas de pequeno porte.

As propostas participantes, segundo o certame, poderão atuar em diversas atividades. No entanto, precisam gerar impacto social, financeiro e/ou ambiental. Serão analisados projetos para desenvolvimento em agronegócio, moda e vestuário, beleza e estética, saúde e bem-estar, turismo, tecnologia da informação, mercado digital, alimentos e bebidas, veículos, construção civil, indústria criativa e serviços especializados (advocatícios, de engenharia, de comunicação, de gestão empresarial, de apoio administrativo e de contabilidade).

Os projetos deverão ser enviados, obrigatoriamente, para o e-mail: itabirahub@itabira.mg.gov.br, até as 18 horas da data limite. Em seguida, serão analisados e avaliados pela equipe da SMDECTIT.

Em tempo

Os escritórios compartilhados do Itabira Hub – Parque Natural do Intelecto, no bairro Santo Antônio –, inaugurados em maio de 2017, têm como objetivo fomentar o desenvolvimento das empresas e o empreendedorismo local. Para isso, o espaço oferece completa infraestrutura de trabalho: salas com internet, impressoras, mesas, cadeiras, material de escritório, telefone fixo, atendente permanente e instalações de apoio. Além desta redução do custo operacional, a modalidade promove, ainda, networking, colaborativismo e trocas de informações entre as equipes.

O espaço definitivo do coworking público será no prédio da Universidade Aberta Integrada (Uaitec) – avenida Duque de Caxias, nº 1.240. Bairro Esplanada da Estação – que já passa por reformas para abrigar os escritórios.

Prefeitura seleciona projetos para o coworking Itabira Hub

A Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT), irá receber até o dia 4 de dezembro, propostas de pessoas interessadas em participar da primeira rodada do espaço de coworking Itabira HubParque Natural do Intelecto, no bairro Santo Antônio.

De acordo com o edital, o objetivo é selecionar projetos de negócios com base tecnológica, de pessoas físicas e, ainda, apoiar os empreendedores que queiram desenvolver startups inovadoras em qualquer área.

Para participar da seleção, os candidatos devem observar os requisitos do certame que, além da startup de base tecnológica, o modelo de negócio deve gerar receita de forma sustentável, por meio da oferta de um produto ou serviço em escala potencialmente ilimitada. Cada startup pode ter até dez participantes, sendo exigida a idade mínima de 18 anos (menores devem apresentar autorização dos pais por escrito).

Os projetos deverão ser enviados, obrigatoriamente, para o e-mail: itabirahub@itabira.mg.gov.br, até as 18 horas da data limite. Em seguida, serão analisados e avaliados pela equipe da SMDECTIT.

Em tempo

Os escritórios compartilhados do Itabira Hub, inaugurados em maio deste ano, têm como objetivo fomentar o desenvolvimento das empresas e o empreendedorismo local. Para isso, o espaço oferece completa infraestrutura de trabalho: salas com internet, impressoras, mesas, cadeiras, material de escritório, telefone fixo, atendente permanente e instalações de apoio. Além desta redução do custo operacional, a modalidade promove, ainda, networking, colaborativismo e trocas de informações entre as equipes.

O espaço definitivo do coworking público será no prédio da Universidade Aberta Integrada (Uaitec) – avenida Duque de Caxias, nº 1.240. Bairro Esplanada da Estação – que já passa por reformas para abrigar os escritórios.

Itabira recebe edição do programa Minas Digital Talks

A Prefeitura de Itabira apresenta nesta quarta-feira (28), às 19 horas, no teatro da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade – avenida Carlos Drummond de Andrade, nº 666 – o Minas Digital Talks, programa do Governo Estadual que busca fomentar projetos inovadores de tecnologia. Participa do evento, o secretário de estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Miguel Corrêa.

O Minas Digital Talks, segundo José Don Carlos Alves Santos, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT), é um conjunto de programas que visam o desenvolvimento econômico, “obviamente, através da tecnologia e da inovação”. É promovido pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes) com o objetivo de capacitar novos empreendedores, desenvolver projetos tecnológicos de ponta e ampliar a competitividade global das startups mineiras.

Na prática, o programa discute com o público, as ações da Sedectes – Uaitec, Startup Universitário, Seed (programa de aceleração de startups para empreendedores do mundo todo que queiram desenvolver seus negócios em Minas Gerais), Cidades Digitais, Polos de Inovação e outros – para que o Estado esteja apto ao empreendedorismo e à inovação. O evento é direcionado ao público que se interessa pelo assunto, mas, principalmente, para estudantes, empresários, professores, diretores de escolas públicas e privadas, políticos e entidades.

De acordo com Don Carlos, em reunião do prefeito Ronaldo Magalhães com o secretário estadual Miguel Corrêa, foram apresentadas as ferramentas que Itabira já tem para contribuir com o objetivo do Estado. “Nessa conversa, externamos o grande potencial que temos com o campus da Unifei (Universidade Federal de Itajubá) e com o evento anual Startup Weekend. Temos também o primeiro Coworking Público de Minas, além da Uaitec (Universidade Aberta e Integrada de Minas Gerais). Então, nós solicitamos um auxílio do Estado para melhorar essa questão da tecnologia”. Ainda segundo ele, o secretário considerou a relevância de implantar outros programas do Minas Digital para melhorar e potencializar o desenvolvimento tecnológico. “Por isso, o Estado vai trazer para a cidade uma aceleradora de startups. Ainda terá um projeto que envolve as escolas municipais e estaduais e, a partir de julho, já teremos dois agentes de inovação atuando no município”.

Os agentes de inovação irão atuar nas universidades – Itabira e região – escolas e na Prefeitura de Itabira, por meio da SMDECTIT. “O trabalho deles será fazer essa inovação acontecer. Eles serão o link do Estado com as faculdades e etc. Atuarão como consultores, mas, na verdade, estimularão as pessoas através de cursos, treinamentos e visitas técnicas. Vamos fazer de Itabira um polo de tecnologia e inovação”, avaliou Don Carlos.

Programação

O painel Ciência, Tecnologia e Inovação abordará as seguintes questões: Um salto para o futuro – o que esperar dos próximos anos?; Como a Sedectes está inovando?; Como transformar Itabira no melhor lugar para se inovar e empreender com tecnologia?; Pitchs de startups locais. O evento é gratuito, mas as vagas são limitadas. Para participar é necessário se inscrever pela internet, por meio do endereço https://www.sympla.com.br/minas-digital-talks—itabiramg__157049.

Saiba mais

Segundo informações do Governo do Estado, o Minas Digital foi criado em 2015 com o propósito de gerar o desenvolvimento econômico e social do estado e do país a partir da inovação, economia digital e economia criativa. O programa irá atuar efetivamente em todo o território mineiro, espalhado por seus 17 territórios estratégicos de desenvolvimento, abarcando todas as ações governamentais de incentivo e apoio à ciência, tecnologia e inovação, conforme as necessidades e as vocações regionais. Nos próximos dez anos, R$ 1 bilhão serão investidos e 100 mil jovens formados, por ano, no setor de tecnologia e empreendedorismo. Em Itabira, o programa já atua com a Uaitec, onde cursos de capacitação são oferecidos gratuitamente para a população.

Prefeitura lança espaço público de coworking

Com o objetivo de fomentar o desenvolvimento das empresas e o empreendedorismo local, a Prefeitura de Itabira inaugura na próxima quarta-feira (31), às 10 horas, na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (SMDUMA) – rua Gerson Guerra, nº 162. Bairro Santo Antônio – o ItabiraHub, primeiro coworking público de Minas Gerais, também conhecido como escritórios compartilhados.

O ItabiraHub oferece completa infraestrutura de trabalho: salas com internet, impressoras, mesas, cadeiras, material de escritório, telefone fixo, atendente permanente e instalações de apoio. No entanto, segundo José Don Carlos Alves Santos, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Inovação e Turismo (SMDECTIT), “além da redução de custo operacional que o espaço oferece, queremos que os participantes troquem experiências. O networking, o colaborativismo e a troca de informações para saber como as outras áreas pensam, são alguns dos benefícios dessa modalidade”.

Os escritórios compartilhados no espaço da SMDUMA – no Parque Natural Municipal do Intelecto – são provisórios e compreendem quatro salas, sendo uma de reunião, uma para capacitação e duas salas para as empresas se instalarem. “As empresas também terão acesso ao estacionamento do parque e aos armários para guardar objetos pessoais”, completou Don Carlos que também ressaltou os benefícios para o município. “A Prefeitura organizou o espaço e a infraestrutura adequada com baixo custo para que as empresas de startups desenvolvam as suas atividades e gerem emprego e renda para a nossa cidade”, disse.

Para Denise Alvarenga, coordenadora do Workshop Itabirano de Negócios (Win) da Associação Comercial, Industrial, de Serviços e Agropecuária de Itabira (Acita) – também parceira do ItabiraHub – esse espaço abre diversas possibilidades para o município. “O primeiro coworking público de Minas Gerais vem apresentar para o nosso ecossistema empreendedor um espaço para que startups tenham como crescer rapidamente. Nossa expectativa é que essa ação gere empregos, renda, mas principalmente inspiração”.

Empresas

Em parceria com a Universidade Federal de Itajubá (Unifei), Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop) e Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira (Funcesi), dez empresas já foram selecionadas para compartilharem os escritórios públicos – Mittel, Garden Box, My Little Job, Cook2U, SoundEraser, Pro Automatos, TOC (Tecnologia de Otimização de Comunicação), Agilizaê, Solucione e Panda Content – sendo as cinco primeiras escolhidas por meio do 2º Startup Weekend Itabira, realizado no início do mês passado, e as outras remanescentes da primeira edição do evento ou já incubadas pelas universidades da região.

De acordo com Denise Alvarenga, “grande parte dos participantes das startups são das universidades regionais Funcesi, Unifei e Ufop e nessa nova realidade de emprego que o mundo apresenta, se o estudante não compreender que empreender é uma necessidade teremos desemprego e desperdício de conhecimento”, concluiu a coordenadora do Win.

O espaço definitivo do ItabiraHub será no prédio da Universidade Aberta Integrada (Uaitec) – avenida Duque de Caxias, nº 1.240. Bairro Esplanada da Estação – que já está em reforma para adequar o coworking público. Segundo o secretário Don Carlos, a conclusão da reforma está prevista para o final deste ano.

Scroll To Top