domingo , 20 outubro 2019
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: campanha

Arquivos de Tag: campanha

Prevenção do câncer de mama – Campanha Outubro Rosa tem Dia D na próxima segunda-feira em Itabira

Para promover a conscientização das mulheres sobre o câncer de mama e a importância dos exames preventivos, a Prefeitura de Itabira promove, durante todo o mês, a campanha Outubro Rosa. O Dia D do evento acontece na próxima segunda-feira (14), na Unidade Básica de Saúde (UBS) José Miguel Nunes – avenida Prefeito Li Guerra, s/n, bairro Praia.

Neste dia, as equipes de saúde da família (ESF) Praia II e Juca Rosa oferecerão uma programação extensa aos usuários. A ação conta com o apoio do educador físico do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), Vinícius.

Será um dia com várias atividades atrativas para a população feminina, cadastrada nas duas ESF da unidade de saúde, visando uma busca ativa de mulheres com o objetivo principal de conscientizar sobre a prevenção e detecção precoce do câncer de mama”, explicou a gerente da UBS, Érika Tayane.

Entre as atividades, haverá acolhimento, solicitações e agendamento de mamografia; orientação para o autoexame da mama; conscientização sobre a saúde da mulher; orientação odontológica; valorização da mulher e sua autoestima; aferição de pressão arterial; esmaltação das unhas, sobrancelhas e maquiagem; corte de cabelo e café “Amigas do Peito”. Ainda durante a programação, haverá uma aula de zumba, às 14 horas.

Outubro Rosa

O Outubro Rosa é um movimento internacional que busca o estímulo à luta contra o câncer de mama. Essa ação iniciou-se em 1997, nos Estados Unidos, e foi ganhando o mundo como uma forma de conscientização sobre a importância de um diagnóstico precoce e de alerta para a grande quantidade de mortes relacionadas à doença.

Outras informações sobre o Dia D da campanha em Itabira pelos telefones: 3839-2224 e 3839-2496.

Ceae – Prefeitura recebe brinquedos arrecadados em campanha para atendimento às vítimas de violência sexual

A Polícia Civil entregou à Secretaria Municipal de Saúde (SMS), na segunda-feira (24), brinquedos e materiais infantis arrecadados em campanha para atendimento às vítimas de violência sexual. Os livros, jogos, lápis de cor, cola, tesoura, papel, massinha, cadeiras infantis e outras peças serão usados em dois consultórios de psicologia no Centro Estadual de Atenção Especializada (Ceae) – antigo Viva Vida, no Centro. A instituição, mantida pelo Município, é referência no atendimento aos casos de abusos envolvendo crianças e adolescentes.

A campanha foi idealizada pelas investigadoras Jéssica Gomes Ferreira Alves e Paula Menezes, e abraçada pelos colaboradores da delegacia regional em Itabira. As duas, acompanhadas do delegado regional Helton Cota, participaram da entrega dos itens, recebidos pela secretária de Saúde, Rosana Linhares, pela superintendente de Atenção Especializada, Adriana Curcio, e pelas psicólogas do Ceae Renata Gonçalves e Tatiana Gavazza.

Rosana rendeu agradecimentos à equipe da Polícia Civil pelo comprometimento na prevenção e combate a esse tipo de crime. “Temos no município o serviço de referência implantado e receber apoio através dessa campanha nos fortalece enquanto serviço e também possibilita a maior afinidade dos órgãos que representamos”, disse.

Saúde – Dia D contra gripe acontece neste sábado

Neste sábado (4), acontece o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, que começou no dia 10 de abril. Na data, todas as unidades de saúde do município que possuem sala de vacinação estarão abertas, das 8h às 17h. Ainda no sábado, em uma ação de controle e combate ao câncer de boca, as equipes da Saúde Bucal também estarão de plantão para avaliar idosos e fumantes.

Nesta campanha contra a Influenza, além dos indivíduos com 60 anos ou mais de idade, estão sendo vacinadas as crianças de seis meses a menores de seis anos (cinco anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores de escolas públicas e privadas, povos indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, presidiários e funcionários do sistema prisional.

A meta do Ministério da Saúde é imunizar, pelo menos, 90% dos grupos na campanha. Em Itabira, de acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Thereza Cristina Oliveira Andrade Horta, o objetivo é vacinar 29.818 pessoas que se encaixam nos grupos prioritários. “Até a presente data só imunizamos cerca de 8.062 pessoas (27,04% do público-alvo), apesar de a vacina estar disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e na Policlínica. Assim, é imprescindível que a população aproveite o Dia D para se vacinar”, acrescentou Thereza Andrade.

Cada pessoa que se encaixa nos grupos a serem imunizados deve ser vacinada, exceto aquela que estiver com febre no dia da vacinação. Quem tem histórico de alergia a ovo deve receber a vacina em ambiente adequado (atendimento de urgência e emergência) para tratar manifestações alérgicas graves.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza segue até o dia 31 em Itabira. Para receber as doses da vacina, é necessário apresentar o Cartão de Vacinação.

Volta às Aulas – Campanha aborda segurança na entrada e saída de escolas

Para garantir mais segurança aos estudantes na entrada e saída das escolas, a Prefeitura de Itabira realiza, desde o dia 5 deste mês, a campanha Volta às Aulas. A ação, desenvolvida por servidores da Secretaria Municipal de Obras, Transportes e Trânsito (SMOTT), segue até o próximo dia 22 e conta com atividades educativas e informativas.

Agentes de trânsito da Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita) estão designados a orientar os pais quanto ao transporte correto das crianças, quais são os equipamentos de segurança exigidos, estacionamentos, paradas e a importância de garantir a própria segurança e a dos outros usuários das vias públicas. Já os fiscais de transportes públicos são responsáveis por instruir motoristas e usuários de transportes escolares em relação ao comportamento seguro durante a viagem, além do embarque e desembarque. Também participam da campanha os servidores lotados na Diretoria de Educação no Trânsito. A eles cabe a função de informar sobre o comportamento e atitude corretos do pedestre.

A SMOTT ressalta que os agentes, além de operar e fiscalizar o trânsito, também são responsáveis por educar, orientar e conscientizar os usuários das vias públicas. Destaca-se, ainda, que os agentes da Transita são servidores concursados e capacitados para o exercício da função, já que são submetidos a treinamento em um curso específico para a atividade, com duração mínima de 120 horas.

Surto em Itabira – Febre amarela deixa município em alerta: mais de mil pessoas procuram a Policlínica para imunização

No último sábado (24), Dia D de vacinação contra a febre amarela em Itabira, mais de mil pessoas procuraram a Policlínica Municipal para serem imunizadas contra o vírus. No entanto, foram vacinadas 543 pessoas. De acordo com a diretora de Vigilância Epidemiológica do município, Natália Franco Barbosa de Andrade, o número significativo de atendimentos no Dia D demonstra a preocupação do itabirano com a doença.

Itabira está classificada na categoria 3, ou seja, estamos sofrendo com um surto de febre amarela. Por isso, pedimos para que todas as pessoas que ainda não foram vacinadas procurem uma unidade de saúde o mais depressa possível. No Dia D, muita gente foi até a Policlínica com dúvida se já tinha sido imunizada ou não. Assim, após verificação, constatamos que muitos já haviam sido vacinados e não precisariam tomar uma nova dose. Tivemos casos, inclusive, de pessoas que já haviam recebido duas doses da vacina”, disse.

Os dados atualizados da SMS advertem sobre a importância e necessidade de se imunizar toda a população. As informações levantadas dão conta de que houve um aumento significativo do número de notificações envolvendo a doença em Itabira. Ao todo, temos: 2 óbitos confirmados, 4 óbitos em investigação; 23 casos suspeitos em investigação, 5 descartados.

A campanha da Prefeitura de Itabira, que tem como meta vacinar todas as pessoas que ainda não receberam nenhuma dose da vacina, continua nesta semana. Para isso, a SMS montou uma escala de funcionamento especial para as unidades de saúde. Confira:

Data                         Unidade                             Horário

26/02    Policlínica e UBS Areão/ Amazonas        das 8h às 20h

27/02            Policlínica e UBS Pará                  das 8h às 20h

28/02         Policlínica e UBS Major Lage            das 8h às 20h

01/03    Policlínica e UBS João XXIII/ Machado   das 8h às 20h

02/03            Policlínica e UBS Centro                das 8h às 20h

No sábado (3), acontecerá um novo mutirão de vacinação. Desta vez, as seguintes unidades de saúde estarão abertas das 8h às 16h: Policlínica, UBS João XXIII/ Machado, UBS Água Fresca/ Juca Batista, UBS Ipoema, UBS Senhora do Carmo, UBS Vila Santa Rosa/ Centro, UBS Areão/ Amazonas, UBS Pará e UBS Eldorado.

Todos os usuários devem levar o cartão de vacina. As pessoas acima de 60 anos de idade precisam apresentar uma avaliação médica com autorização para se vacinar. A avaliação também poderá ser feita pelo enfermeiro da UBS a qual o usuário pertence.

Prevenção – Prefeitura promove Dia D da campanha contra febre amarela neste sábado

Toda a população que ainda não foi vacinada deve ir até a Policlínica Municipal para se imunizar.

Para prevenir o avanço da febre amarela no município, doença que tem assustado todo o país, a Prefeitura de Itabira promoverá o Dia D da campanha de vacinação, neste sábado (24), na Policlínica Municipal, das 8h às 16h. A campanha é direcionada às pessoas que ainda não foram vacinadas. Serão aplicadas doses padrão que têm validade para a vida toda.

Se a pessoa está em dúvida se tomou a vacina ou não, ela também deve ir até a Policlínica para tomar se vacinar”, alerta a superintendente de Vigilância em Saúde Thereza Cristina Oliveira Andrade Horta.

A superintendente avisa ainda que todos os usuários devem levar o cartão de vacinação. As pessoas acima de 60 anos de idade precisam apresentar uma avaliação médica com autorização para se vacinar. “O enfermeiro do PSF que a pessoa pertence também poderá avaliar e autorizar a vacinação para os maiores de 60 anos”, disse Thereza Andrade.

A situação na cidade é assustadora. Os últimos dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) alertam sobre a importância e necessidade de se vacinar toda a população. De acordo com as informações levantadas, houve um aumento significativo do número de notificações envolvendo a doença em Itabira. Ao todo, são 23 notificações; 1 óbito confirmado; 4 óbitos em investigação; e 19 casos suspeitos aguardando o resultado.

Situação grave – Aumenta número de casos suspeitos de Febre Amarela em Itabira

De acordo com Secretaria Municipal de Saúde, a vacinação é a forma mais eficaz e segura para conter o avanço da doença

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) alerta a população de Itabira para a necessidade da imunização contra o vírus da febre amarela. De acordo com os dados levantados pela secretaria, houve um aumento significativo do número de notificações. Ao todo, são 23 notificações; 1 óbito confirmado; 4 óbitos em investigação; e 19 casos suspeitos aguardando o resultado. A situação é assustadora.

A vacina é hoje a forma mais eficaz e segura para conter o avanço da doença no município. É importante que todas as pessoas que ainda não foram vacinadas contra a febre amarela procurem uma unidade de saúde e se imunizem”, adverte a superintendente de Vigilância em Saúde Thereza Cristina Oliveira Andrade Horta.

Para a SMS, a situação em Itabira só não está mais grave porque em 2017 – quando foram registrados vários casos de febre amarela no país, inclusive com epidemias em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo – O Governo Municipal iniciou uma intensa campanha de prevenção e vacinação em massa. Na época, foram encontrados em diferentes áreas da cidade sete primatas mortos, o que deixou a SMS em alerta, uma vez que a presença de macacos mortos ou doentes é um indício de que o vírus pode estar circulando no local.

Diante disso, a vigilância foi intensificada. A SMS mobilizou empresas, instituições de ensino e sociedade civil, além de orientar a população. “Fizemos a vacinação em toda a região rural, de grupos específicos como presídio e hospitais e chegamos a estender o horário de funcionamento das unidades de saúde para viabilizar e facilitar o acesso daqueles que trabalham o dia inteiro e que não tinham tempo para ir à unidade em horário comercial. Infelizmente, mesmo com todos os esforços, ainda existem pessoas que não se vacinaram”, lembra Thereza Andrade.

Após a intensificação da campanha, cerca de 86% da população em Itabira já está imunizada. No entanto, o Governo Municipal pretende atingir uma cobertura de 100%. “Sabemos que é muito difícil alcançar esse índice, mas é o que pretendemos. É a única forma de resguardarmos a cidade e quem vive aqui. É imprescindível que todos se vacinem, principalmente os homens, que é o grupo mais resistente à imunização”, declarou.

Alerta de saúde pública

O que é: a febre amarela é uma doença infecciosa aguda, de curta duração (no máximo 10 dias), com gravidade variável (pode levar à morte), causada pelo vírus da febre amarela.

Quais sintomas: febre, dor de cabeça, calafrios, náuseas, vômito, dores no corpo, icterícia (a pele e os olhos ficam amarelos) e hemorragias (de gengivas, nariz, estômago, intestino e urina).

Como se transmite: a febre amarela é transmitida pela picada dos mosquitos transmissores infectados a pessoas não vacinadas. A transmissão de pessoa para pessoa não existe. Assim como os primatas não transmitem o vírus para os seres humanos.

Como prevenir: a única forma de evitar a febre amarela silvestre é a vacinação contra a doença. A vacina é gratuita e está disponível nas unidades de saúde e é recomendada para todas as pessoas que habitam ou visitam áreas com risco da doença, como é o caso de Itabira. Apenas uma dose garante imunidade por toda a vida. As crianças podem ser vacinadas a partir dos 9 meses de idade. No entanto, é contraindicada a imunodeprimidos (pessoas com o sistema imunológico debilitado) e pessoas alérgicas a gema de ovo. Gestantes e idosos devem passar por avaliação médica.

Trânsito mais seguro – Prefeitura promove mais uma ação da campanha Pé na Faixa a partir da próxima segunda-feira

Lançada em março deste ano, a campanha “Pé na Faixa” busca mobilizar, orientar e conscientizar motoristas e pedestres sobre as boas práticas de convivência no trânsito por meio de várias ações educativas. A atividade, que conta com sua quinta ação a partir desta segunda-feira (11), é desenvolvida pela Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (SMDUMA)/ Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita). A ação segue até o dia 22 nos principais pontos de tráfego do município.

Com a proximidade das festividades de fim de ano, o número de pessoas e veículos nas vias aumentam e, consequentemente, os números de infrações e riscos de acidentes também. Assim, diante dessa situação, estaremos nas principais vias da nossa cidade para trazer mais conhecimento aos usuários”, disse a diretora de Educação de Trânsito e Estatística, Edivânia Fernandes das Mercês.

A Transita ressalta que os usuários devem estar sempre atentos à faixa de pedestres: motoristas e motociclistas não devem parar ou estacionar sobre ela, devem observar os pedestres que se aproximam para fazer a travessia, reduzir a velocidade ao se aproximar da faixa para evitar atropelamentos e colisões em outros veículos.

Já os pedestres devem respeitar o semáforo e fazer a travessia somente quando o sinal estiver verde. A passagem só deve ser realizada quando todos os veículos estiverem totalmente parados. Ainda de acordo com a Transita, é importante que o pedestre faça contato com o motorista antes de atravessar na faixa para ter a certeza que o condutor realmente o viu.

Mesmo sendo algo tão simples e natural, a travessia dos pedestres no trânsito causa muitas dúvidas, conflitos e riscos de acidentes. O motorista tem o dever de respeitar a faixa, mas o pedestre também tem que usá-la corretamente para a sua própria segurança. Seguindo estas dicas, teremos um fim de ano mais seguro e com muito mais motivos para comemorar”, ressaltou a diretora.

Itabira adere campanha global de 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher

O enfrentamento da violência de gênero em Itabira será abordado, mais uma vez, por meio do movimento mundial de 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher. A programação começou nesta tarde (27), na Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA), com a abertura oficial da campanha.

A comissão de enfrentamento à violência doméstica e sexual de Itabira – Tribunal de Justiça de Minas Gerais, Ministério Público, polícias Civil e Militar e Prefeitura de Itabira – apresentaram palestras e atrações culturais com o objetivo, segundo a delegada de polícia Amanda Machado Celestino, responsável pela Delegacia Especializada de Itabira de Atendimento à Mulher, “de mostrar que o enfrentamento à violência tem força, nós temos essa preocupação e queremos fazer disso uma realidade em nosso município”. Durante o evento foi divulgado ainda, um novo projeto do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher que, em 2018, iniciará um ciclo de palestras nas escolas itabiranas para orientar os estudantes sobre a violência contra a mulher, bem como os seus direitos. “Nós iremos abraçar os alunos, envolvendo-os nesse programa que tem a finalidade de levar informação a todas as escolas. Temos consciência que a violência contra a mulher começa na fase infantil. Então, precisamos sensibilizar os pequenos para que na fase adulta, estejam cientes dos seus direitos e responsabilidades”, destacou a delegada.

Até o dia 11 de dezembro serão realizadas ações voltadas ao empoderamento das itabiranas e em combate ao feminicídio. As atividades acontecem dentro do movimento internacional e irão englobar caminhadas, exposição fotográfica, distribuição de material informativo, teatro itinerante e audiência pública.

Com o objetivo de refletir sobre a violência doméstica, a Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), irá promover oficinas com os pais para discutir o tema. “As oficinas acontecerão em três escolas municipais (Professora Antonina Moreira, Marina Bragança de Mendonça e Dona Inês Torres) e nosso objetivo é sensibilizar os pais por meio de mesas redondas, trabalhos em grupo e exibição de documentários”, informou Lucimara de Cássia Ferreira Santos, coordenadora do programa Conexão Jovem.

Saiba mais

A Campanha 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher é uma mobilização anual, praticada simultaneamente por diversos atores da sociedade civil e poder público engajados nesse enfrentamento. Desde a sua primeira edição, em 1991, já conquistou a adesão de cerca de 160 países. Mundialmente, a Campanha se inicia em 25 de novembro – Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher – e vai até 10 de dezembro – Dia Internacional dos Direitos Humanos –, passando pelo 6 de dezembro, que é o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

Foto: Neidson Freitas

Estacionamento Consciente – Prefeitura promove campanha de conscientização para condutores

Durante todo o mês de junho, a Prefeitura de Itabira promove a campanha “Estacionamento Consciente”, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (SMDUMA)/ Superintendência de Transporte e Trânsito (Transita). A ação busca conscientizar os condutores sobre a sinalização de trânsito, principalmente sobre o estacionamento regulamentado: vagas para deficientes físicos, idosos, escolares, carga e descarga, táxis, pontos de ônibus e rotativo.

De acordo com a Transita, por meio da campanha espera-se também conscientizar a população sobre o uso dos passeios; faixas de pedestre; placas de sinalização; estacionamentos em fila dupla, esquinas e portas de garagem, por exemplo; entre outros.

Esta campanha surge após uma análise da realidade atual onde observamos, durante o processo de fiscalização diária, o montante de infrações relacionadas a estacionamentos irregulares e os transtornos que esse desrespeito causa ao trânsito e aos usuários. Conscientização é a palavra-chave da campanha”, pontuou o superintendente da Transita, Jairo da Silva Ferreira.

As ações começam nesta quarta-feira (7) e seguem até o dia 30. A equipe de Educação e agentes de trânsito estarão em pontos estratégicos da cidade, especialmente naqueles em que há maior incidência de estacionamentos irregulares. Em um primeiro momento, as abordagens aos motoristas e motociclistas serão educativas, com o propósito de uma completa mudança de comportamento das pessoas que não respeitam as leis de trânsito.

Esperamos fazer com que os condutores tenham consciência de seus deveres e estacionem em vagas regulares, de forma adequada, evitando transtornos para outros usuários no trânsito e autuações”, declarou o superintendente. Ele acrescentou que a campanha conta ainda com a distribuição de panfletos informativos para que os usuários das vias possam adotar comportamentos corretos, melhorando assim a qualidade do trânsito.

Todos os dias milhares de pessoas têm seus direitos desrespeitados no Brasil. Por isso, acreditamos que uma atitude simples pode mudar essa realidade: a escolha de cada um faz a diferença. Acabar com os desrespeitos depende de todos nós”, concluiu Jairo Ferreira.

A campanha contará ainda com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Juventude (SMELJ). Os participantes do projeto Vida Ativa serão orientados sobre seus direitos, deveres e a forma correta de utilização das vagas destinadas aos idosos.

Scroll To Top