terça-feira , 22 setembro 2020
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: obras

Arquivos de Tag: obras

Alteração no trânsito – Obras de construção do anel hidráulico chegam à avenida Rio Doce

A partir deste sábado (4), a construção de mais 450 metros do anel hidráulico chega à avenida Rio Doce, na região do bairro Areão. Para a execução dos trabalhos, que também acontecem na Estrada 105, a Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita) desviará o trânsito para as ruas internas do bairro Major Lage de Cima.

Nesta fase, as obras serão divididas em três etapas, sendo o primeiro trecho entre a avenida Brasil e rua Pernambuco. Portanto, para os motoristas em sentido centro/bairro a alternativa de tráfego acontecerá pelas avenida Rio Doce, rua Pernambuco, rua Paraíba e avenida Brasil. Já no segundo momento, quando as obras estarão no trecho entre as ruas Pernambuco e Mármore, o trânsito passará pelas avenida Rio Doce, rua Mármore, rua Pernambuco, rua Paraíba e avenida Brasil.

Finalmente na última etapa, onde o trecho entre as ruas Mármore e Topázio estará interditado, a alternativa para os condutores será pelas ruas Israel Pinheiro, Topázio, Diamante, Mármore e avenida Brasil.

O trânsito no sentido bairro/centro continuará normal. Os trabalhos serão concluídos em 26 dias corridos – até do dia 30/1.

Água

O anel hidráulico é uma importante etapa do novo sistema de abastecimento da cidade, onde a Prefeitura está investindo R$ 5.827.643,18. A obra, que compreende seis quilômetros de rede, interligará os sistemas Gatos, Pureza, Três Fontes, Areão e Rio de Peixe.

De acordo com estudos do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira, o anel unificará o sistema – ligando o novo reservatório construído no bairro Campestre à adutora do Areão, já conectada aos reservatórios dos bairros Juca Batista e Fênix – permitindo, então, melhor gestão hídrica e distribuição de água igualitária para toda a população.

64 anos – Saae comemora aniversário com homenagens e anúncio de obras

Ao completar 64 anos nesta segunda-feira (20), o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira homenageou dez funcionários que completaram de 5 a 35 anos na autarquia. Cada profissional recebeu do diretor-presidente da autarquia, Leonardo Ferreira Lopes, uma placa de agradecimento pelos serviços prestados ao município.

A solenidade aconteceu na sede do Saae, no bairro Pará. Participaram do ato, vereadores, secretários, servidores municipais, funcionários da autarquia, imprensa e convidados. Durante o evento, houve uma celebração ecumênica – bênção aos participantes – presidida pelos religiosos padre Welington Silva (Paróquia Nossa Senhora da Penha e Santuário São Geraldo) e pastor Flávio Márcio (Igreja Batista Central).

Leonardo Lopes agradeceu aos funcionários pelo empanho e dedicação à empresa e à cidade. Ele ressaltou que todas as conquistas do Saae, como o serviço de remodelação da rede de esgoto e água na comunidade de Palmital e a construção da estação de tratamento de água (ETA) no bairro Chapada, são resultados do esforço de cada funcionário da autarquia.

O Saae foi fundado há 64 anos para captar, tratar e levar a àgua até a casa das pessoas e colher o esgoto da cidade. Temos feito isso com muito esforço. Essa empresa trabalha o ano inteiro, 24 horas por dia. Não paramos. No entanto, devemos agradecer e refletir sobre todas as conquistas que vocês construíram ao longo de todos esses anos. Quando levamos água ou tratamos o esgoto de uma região, estamos falando de saneamento básico. Isso equivale a levar saúde para a população. Nessa semana, em particular, obtivemos vitórias que vocês conquistaram. Hoje iniciamos a preparação de um poço para a comunidade de Palmital. Isso é uma vitória de todos vocês”, disse.

Leonardo Lopes também lembrou que, durante sua gestão, a sede da empresa foi revitalizada e foi construído um vestiário com cerca de 200 m², com armários novos, para todos os funcionários.

Representando o prefeito Ronaldo Magalhães, o secretário municipal de Governo Ilton Magalhães disse que aquele era um momento de muita gratidão à autarquia. “Neste dia em que comemoramos os 64 anos do Saae, estamos conscientes que o foco tem sido sempre de fazer o melhor. Todo o sucesso é fruto de um trabalho árduo da equipe do Saae. Parabenizamos a todos pela competência, harmonia e unidade de esforços com o objetivo de oferecer à população de Itabira uma das melhores águas da região e um excelente trabalho de colher e tratar o esgoto do nosso município”.

Os homenageados

Receberam uma placa de agradecimento os funcionários José dos Santos Tiago, Jorge Martins Borges, Nilce de Oliveira, José Tomaz, Damião Vidal, Cláudio Jorge, Antônio Caio Rodrigues, Ailton Fernandes Ribeiro, Nilda Clésia Dantas e Flammarion André.

Saneamento Rural

Nesta segunda-feira (20), o Saae iniciou as obras de modernização e correção das redes de água e esgoto da comunidade de Palmital. No local, serão construídos um poço artesiano e sua automação; padrão de energia elétrica e a rede de distribuição. Conclusão dos serviços em até 45 dias.

Ainda no fim de semana, uma equipe do Departamento de Saneamento Básico (Desa) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) esteve em Senhora do Carmo, neste sábado (18), para mais uma etapa de estudo do projeto de concepção de uma futura Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) no distrito.

De acordo com Leonardo Ferreira Lopes, diretor-presidente do Saae, o Município tem um contrato com a universidade que já pesquisa sobre a utilização do lodo gerado pela ETE Laboreaux na agricultura de Itabira. “Além disso, a UFMG faz uma análise do proveniente da ETE para futura geração de energia e, a partir desta interação, surgiu a oportunidade de discutir o tratamento de esgoto no Carmo”.

Ampliação – Prefeitura começará obras da Machado de Assis

No final da tarde de hoje (31), o prefeito Ronaldo Magalhães assinou a ordem de serviço para as obras da avenida Machado de Assis – projeto que interligará os bairros Gabiroba e Machado – com início previsto na próxima segunda-feira (4/2).

Vencedora do processo licitatório nº 49/2018, a empresa Terramil Construções e Terraplenagem Ltda, de Betim, tem o prazo de 24 meses para executar a ampliação da via. No entanto, segundo o diretor-executivo da empresa, José Eduardo Moreira Felipe, a intenção é de terminar a obra em 15 meses. O valor do contrato é de R$ 19.023.157,26.

O nosso compromisso com a comunidade e com o chefe do Executivo Municipal é de concretizar essa obra com a maior presteza e o maior rigor que a engenharia nos proporciona”, ressaltou.

O secretário Municipal de Obras, Ronaldo Lott Pires, lembrou que a gestão municipal está trabalhando muito, desde o início do mandato do prefeito Ronaldo Lage Magalhães, em janeiro de 2017. Para ele, algumas ações e projetos demoram mais para acontecer devido às burocracias do serviço público.

Que fique bem claro para muitas pessoas: nesse momento de crise, o Município conseguiu um financiamento de R$ 19 milhões junto ao Governo do Estado. Uma obra desse valor passar por um processo licitatório sem nenhum recurso impetrado. Não é qualquer Município que consegue isso. E, ainda, obter as licenças necessárias, sabendo o tempo que isso demora. Enfim, conseguimos”, declarou o secretário.

Em tempo

Logo que assumiu a Prefeitura de Itabira, em 2017, Ronaldo Magalhães deu início à captação de recursos para a construção da avenida Machado de Assis, por meio do Programa de Apoio aos Municípios Mineradores, promovido pelo Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG).

Neste programa, o banco estadual disponibilizou cerca de R$ 120 milhões em crédito para financiamento a 177 municípios que tiveram queda na arrecadação de royalties nos anos 2015 e 2016.

No serviço público, a burocracia é muito grande. Em 2017, existia um projeto dessa obra, porém o valor apresentado era altíssimo, em torno de R$ 30 milhões. Então, tivemos que refazê-lo para adequá-lo à realidade que estamos vivendo. Depois, fizemos um trabalho intenso na busca por este recurso (R$ 19 milhões), o que, nos dias atuais, não é fácil. Para isso, é necessário ter capacidade orçamentária, mas, acima de tudo, muita persistência. Conseguimos ainda obter as licenças ambientais após um longo período tentando, com muita dificuldade, por meio do empenho da Priscila (Martins da Costa – secretária Municipal de Meio Ambiente) e do Ronaldo Lott”, declarou o prefeito Ronaldo Magalhães.

Ao fim da cerimônia, o chefe do Executivo Municipal agradeceu à Câmara de Vereadores pelo apoio aos projetos apresentados em sua gestão. “Agradeço a todos vocês que analisaram e aprovaram este projeto. Hoje, com muita alegria – depois de muito esforço e empenho – estamos assinando esta ordem de serviço que é uma conquista de todos que desempenharam seu papel. E, agora, a comunidade recebe mais este benefício”, concluiu.

Qualidade de Vida – Saneamento básico em Ipoema será ampliado

Na próxima segunda-feira (12), o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira assinará uma ordem de serviço para a construção de novas redes, ramais e reforma da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do distrito Ipoema.

Esta nova obra, segundo Leonardo Ferreira Lopes, diretor-presidente do Saae, atenderá uma parte do distrito que não possui saneamento. Serão executados 600 metros de rede coletora de esgoto e 700 metros de emissários – parte do sistema de esgotamento sanitário que conduz os resíduos recebidos da rede coletora para o tratamento – que totalizará, portanto, 1,3 mil metros de novas redes. O contrato prevê ainda a construção de uma casa de bomba na ETE Ipoema e será concluído em até quatro meses. “Ampliando a oferta de saneamento básico, o Governo Municipal investe na saúde pública. Mas, além disso, esta obra criará novas oportunidades de emprego na região”, avaliou Leonardo Lopes.

Norte

O Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) – Lei nº 4916/2016 –, aprovado em 2016, é o principal instrumento de planejamento e gestão dos serviços de saneamento básico. O documento determina ações para que recursos sejam destinados a essas obras e é considerado o “norte” do Saae. A partir do PMSB, segundo Leonardo Lopes, o Município constatou a necessidade de grandes investimentos na área e uma parte desses valores é contemplado na revisão tarifária proposta pela Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário (Arsae) de Minas Gerais, em 2017. Além disso, o Município trabalha na redução de custos operacionais para atingir as metas do plano.

Segurança e fluidez – Transita cria novas vagas do rotativo e reforça sinalização viária em Itabira

A Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita) da Prefeitura de Itabira informa que a partir desta terça-feira (31) a Avenida Duque de Caxias, no trecho onde é realizada a feira livre, será mão única. Condutores só poderão trafegar na via no sentido Posto da Esplanada – Acita. A partir da mudança, aproximadamente 60 novas vagas de estacionamento são criadas no trecho, com regulamentação para uso do rotativo.

Segundo a Transita, foram feitos estudos técnicos para validar as alterações na Duque de Caxias. A seção esclareceu, ainda, que a mudança organiza o fluxo local de veículos e possibilita maior fluidez no trajeto.

Próximo do trecho citado, nesta segunda-feira (30) obras foram concluídas na Rua Salvino Pascoal Patrocínio. No acesso ao bairro Esplanada da Estação foi retirado o canteiro central e outros obstáculos. Além disso, a rotatória foi refeita e a sinalização da pista ganhou nova pintura.

Obras de melhoria na malha viária ocorrem em toda a cidade

Obras de melhoria na malha viária ocorrem em toda a cidade

Cronograma

Desde maio deste ano, a Transita executa um intenso cronograma de melhorias na malha viária do município. As ações contemplam reforço na pintura da sinalização horizontal, construção de faixas elevadas, lombadas, reformulação de rotatórias, implantação de tachões e outras intervenções.

Diretor de Transporte da seção, Estevam José de Oliveira explica que o trabalho de pintura, por exemplo, é executado nas ruas com maior movimento e nos cruzamentos mais perigosos e com maior risco de acidentes. “As ações têm como principal finalidade a segurança de todos os usuários do trânsito local”, cita.

O reforço da sinalização e outras obras também já ocorreram nos principais corredores urbanos de bairros como o João XXIII, Amazonas, Campestre, Praia, Juca Rosa, Pedreira e Centro. Nas próximas semanas o trabalho continua na região do Pedreira e demais bairros.

População pode indicar obras

Estevam Oliveira informa que a comunidade pode contribuir com o cronograma de atividades da Transita. Por meio do telefone (31) 3839-2251, a população pode fazer sugestões e indicar áreas que demandam atuação da pasta. “A solicitação também pode ser feita por meio de ofício e e-mail, que vamos ao local e fazemos análise”, destaca.

Prefeitura inicia projeto para prevenir e solucionar estragos causados pelas chuvas

A prefeitura de Itabira, por meio das secretarias municipais de Desenvolvimento Urbano (SMDU) e Obras, Transporte e Trânsito (SMOTT), está trabalhando para solucionar e prevenir problemas na cidade, causados pela chuva.

Problemas como bocas-de-lobo entupidas, buracos e queda de árvores estão sendo monitorados e solucionados pelas secretarias.

O projeto de capina e poda de árvores já aconteceu em vários bairros como, Areão, Barreiro, Campestre, Fênix, João XXVIII, Madre Maria de Jesus, Praia e Valença. Já nas ruas João Camilo de Oliveira Torres, no bairro Praia; São Nicolau, no Juca Batista e a avenida Ipiranga, no bairro Amazonas, a Prefeitura está executando operações tapa-buracos e consertando bueiros danificados pelas chuvas.

Segundo o secretário da SMDU, Robson Costa, o planejamento começou pelas áreas com mais riscos. “Temos uma programação de acordo com a demanda que aparece na cidade. Recebemos os pedidos, depois os técnicos vão ao local averiguar o que precisa ser feito e, assim, encaminhamos o pessoal”, explicou. O secretário alertou ainda, que as demandas precisam ser verificadas, pois existem casos em que a Prefeitura não pode atuar. São os casos em que a poda precisa ser feita acima dos cabos de energia elétrica. Neste caso, o Município aciona a responsável pelo trabalho, ou seja, a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig).
Robson Costa ressaltou também, que o trabalho está sendo desenvolvido em parceria com a Empresa de Desenvolvimento de Itabira (Itaurb) e o objetivo é atender toda a cidade. “Estamos fazendo praticamente uma poda de árvore por dia. Mas, precisamos entrar em um ritmo melhor. O objetivo é chegar em todas as ruas da cidade. Porque queremos chegar na época mais chuvosa com a cidade preparada”, concluiu o secretário.

Cemitério


O Cemitério da Paz, no bairro Água Fresca, também está passando por melhorias. A frente do local já está sendo capinada e as árvores podadas. O objetivo é limpar todo o espaço do cemitério. Por ser considerada uma área grande, segundo o secretário, o serviço será contínuo, independentemente do programa Cidade Limpa, por exemplo.

Prefeitura alerta população para falta de água nos próximos meses

Diante do período de estiagem entre os meses de junho a setembro, característico do inverno, a Prefeitura de Itabira, por meio do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), alerta a população para um possível racionamento do recurso nos próximos meses.

Todos os mananciais reduziram drasticamente a oferta de água”, afirmou Leonardo Lopes, diretor-presidente do Saae. Somente na área urbana, segundo ele, as Estações de Tratamento de Água (ETA) Pureza e Gatos produziam 383 litros de água por segundo (l/s), valor correspondente a 65% da água produzida nesta área – sendo 44% ETA Pureza (168 l/s) e 21% ETA Gatos (90l/s). “Hoje, a ETA Gatos caiu para 41 l/s e a Pureza para 82 l/s, ou seja, estão produzindo em média apenas 47% da capacidade normal”, ressaltou o diretor-presidente da autarquia.

Ações emergenciais serão implantadas pelo Saae para amenizar os efeitos da estiagem. De acordo com Leonardo Lopes, a primeira medida será reforçar os reservatórios, Gatos com a captação emergencial no Jirau de 35 l/s e, Pureza, com um reforço de 50 l/s buscado na região do Candidópolis, ambos por meio de motobombas movidas a gerador. “Assim, Gatos passará de 41 para 76 l/s e Pureza de 82 para 132 l/s. Lembrando que, mesmo com esses reforços, continuamos com valores inferiores à produção nominal”, salientou o diretor-presidente do Saae.

Para a Organização das Nações Unidas (ONU), o consumo ideal de água por habitante é de 110 litros por dia. Em Itabira, segundo Leonardo Lopes, a média é de 180 litros por habitante. “É necessário que todos os itabiranos façam uso consciente da água para que o recurso não falte e que não tenhamos que decretar racionamento em nossa cidade”, alertou.

Outras medidas

Nos próximos dias, segundo informações do Saae, será iniciada a reforma de um dos poços artesianos do Sistema Areão de Abastecimento, que irá aumentar em até 10 l/s a capacidade de produção de água no local. O processo de licitação já foi concluído e o valor do investimento será de R$ 86 mil.

De acordo com Leonardo Lopes, a ampliação e modernização da ETA Gatos, obra em andamento, irá dobrar a produção de água, “já que terá acréscimo de 100 l/s”. A obra será concluída no segundo semestre de 2018. Também em andamento, segundo ele, um estudo sobre a execução do anel hidráulico – construção de seis quilômetros de rede para interligar os sistemas Gatos e Pureza – obra com valor estimado em R$ 4 milhões.

Em março deste ano, o Saae lançou a possibilidade de uma Parceria Público-Privada (PPP), onde foi realizado um estudo de viabilidade para a construção da Estação de Tratamento de Água (ETA) do rio Tanque, obra – aproximadamente R$ 80 milhões – que apenas o Município não poderia financiar. Segundo Leonardo Lopes, o estudo tem parecer favorável do Saae e já está em análise na Prefeitura de Itabira.

Indicadores

Além da redução no fornecimento de água das ETAs Pureza e Gatos, de acordo com dados do Saae, não sofreram alterações as produções das ETAs Rio de Peixe, que continua em 30 l/s; Três Fontes com 50 l/s e, Areão, em 45 l/s. Assim como na zona rural do município, Ipoema continua produzindo 18 l/s; Senhora do Carmo 10 l/s e, os poços artesianos dos bairros Chapada, Boa Esperança e Barro Branco seguem fornecendo 6,56 l/s.

Programa Cidade Limpa chega em Senhora do Carmo

Desde a última segunda-feira (26), a Prefeitura de Itabira executa o programa Cidade Limpa no distrito de Senhora do Carmo. Junto com os serviços previstos pelo programa, as estradas da região também estão sendo recuperadas.

Por determinação do prefeito Ronaldo Magalhães o programa atuou primeiro no bairro Campinho, onde os serviços finalizaram ontem (29). Segundo o administrador do distrito, José Américo Guedes Araújo, “o prefeito pediu para priorizarmos primeiro o bairro porque já era uma reivindicação antiga dos moradores. Recolhemos muito lixo acumulado, terra devido às erosões de barrancos e restos de materiais de construção”. José Américo informou ainda, que 20 caminhões de entulhos foram retirados do local.

Em parceria com o Município, a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) executou podas em diversas árvores do distrito, “principalmente nas árvores que afetavam a rede elétrica. Todas foram desobstruídas”, informou o administrador. Além disso, segundo ele, a iluminação pública também foi verificada e 18 lâmpadas foram substituídas. “Todas as lâmpadas queimadas foram trocadas e nesta questão, já não temos mais pendências”.

A operação tapa-buraco, também prevista no Cidade Limpa, será realizada pela Secretaria Municipal de Obras (SMO) na próxima semana. “Já acertamos esse serviço com a Prefeitura, mas, primeiro, estamos limpando os meios-fios para todos os buracos ficarem visíveis e só depois fazer a operação com asfalto”, explicou José Américo.

Estradas

De acordo com Ronaldo Pires Lott, secretário municipal de Obras, paralelo ao programa, as estradas rurais também estão sendo recuperadas com recursos próprios. “Estamos patrolando, compactando e cascalhando as estradas. O término desses serviços, assim como os inerentes ao Cidade Limpa, estão previstos para a próxima semana”.

Depois de terminar a recuperação dos 18 quilômetros da estrada rural que dá acesso à localidade de Angico – saída do Matadouro até chegar à estrada de asfalto que liga Senhora do Carmo à Itambé do Mato Dentro – o mesmo trabalho de patrola, compactação e cascalhamento foi iniciado nos 18 quilômetros da estrada que liga Senhora do Carmo à Ipoema. “O trabalho nessa estrada também é uma reivindicação da população, porque nos últimos quatro anos isso não feito”, ressaltou José Américo. Ainda segundo ele, cerca de 80 caminhões de cascalho, para a restauração da pista, foram doados pelo morador Adair Raimundo.

Saae substitui rede e executa obra de modernização na ETA Gatos

A Prefeitura de Itabira comunica à população que o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Itabira realizou hoje (5), das 7 às 13 horas, obra de modernização da Estação de Tratamento de Água (ETA) Gatos.

Os mesmos serviços serão executados nos dias 7 e 8/6, no mesmo horário. Diante disso, os bairros Campestre, Pedreira, Penha, Bela Vista, Nova Vista, Eldorado e Nossa Senhora das Oliveiras terão os fornecimentos de energia elétrica e água interrompidos, neste período (7 às 13 horas), por motivo de segurança. Segundo o presidente do Saae, Leonardo Lopes, esta frente de serviço corresponde à obra de fundação profunda. “Executaremos nove estacas de hélice contínua”.

Já entre os dias 19/06 e 25/07, o Saae irá substituir a rede subadutora do bairro Nossa Senhora das Oliveiras e, segundo Leonardo Lopes, além do local da obra, os bairros Praia, Juca Rosa, Vila Santa Rosa e Vila Piedade terão o abastecimento de água interrompido, das 7h30 às 18 horas.

A substituição da rede compreende o trajeto nas ruas Armindo Costa Lage, Sebastião Calixto da Mata e no encontro com a rua João Camilo de Oliveira Torres. Precisamos substituir os tubos de PVC por tubos de ferro fundido para garantir a redução de vazamentos e interrupções futuras”, explicou o presidente da autarquia. Ainda de acordo com ele, esta rede subdimensionada foi feita há mais de 30 anos. “Na época, fizeram um trecho em ferro fundido e em dado momento utilizaram o PVC, que não suporta a pressão local e explica os constantes vazamentos”. Leonardo Lopes informou ainda, que esta obra irá substituir 700 metros de tubos, sendo 2,4 quilômetros o tamanho de todo trecho que precisa ser trocado.

Em tempo

A construção da ETA Gatos/ Sistema Santana foi financiada, na gestão anterior, com recursos provenientes do Governo Federal. Na época, as planilhas de custos foram analisadas e aprovadas pela Caixa Econômica Federal (CEF), sendo que o processo de outorga já está concluído na Superintendência Regional do Leste de Minas (Supram/ Leste). Segundo Ronaldo Lott, secretário municipal de Obras, o dinheiro é liberado de acordo com o andamento das obras. “A Prefeitura entra com 10% e a Caixa com 90%. Ainda não estamos pagando o financiamento, somente depois do término das obras”, explicou.

A obra permitirá ampliar, modernizar e captar água do Ribeirão Girau para a ETA Gatos. Depois da conclusão, a ETA Gatos/ Sistema de Santana vai injetar mais 100 l/s no abastecimento de água tratada no município. Ainda de acordo com o projeto, também será construído um reservatório de água no acesso ao Alto dos Pinheiros com capacidade para 2,5 milhões de litros que serão fornecidos para toda a cidade.

Patrimônio histórico preservado – Obras de restauração da Igrejinha do Rosário estão em fase de conclusão

A Prefeitura de Itabira está concluindo as obras de restauração da Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, popularmente conhecida como Igrejinha do Rosário. A reforma, resultado de uma parceria entre o Município e a Diocese de Itabira – Cel. Fabriciano, está na fase de pintura e deve ficar pronta no final de junho.

Na última semana, um representante do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) visitou a obra e apresentou propostas de cores para o imóvel. Assim, optamos por manter as cores atuais. É importante ressaltar que a obra será entregue à população no período previsto, já que não tivemos surpresas desagradáveis como, por exemplo, problemas estruturais, durante a reforma”, destacou o secretário municipal de Obras, Ronaldo Lott Pires.

Ainda de acordo com a Secretaria Municipal de Obras (SMO), pasta responsável pela restauração, a última vez que a ermida passou por reformas foi em 1992. De lá para cá, a ação do tempo deteriorou a construção. Nos últimos quatro anos, o local ficou fechado devido à má conservação e falta de manutenção. Até o início deste ano, as paredes da igreja estavam escoradas e o telhado era coberto por lona: telhas deslocadas ou quebradas causaram infiltrações que danificaram as paredes, pisos, forros e instalações elétricas. No entanto, após uma vistoria realizada por engenheiros da Prefeitura, foi detectado que a construção não corria risco de desabamento, uma vez que a madeira estrutural da ermida continua intacta.

Ronaldo Lott lembrou também que a recuperação da igrejinha foi uma solicitação do prefeito Ronaldo Lage Magalhães. Segundo ele, foi o chefe do executivo municipal quem acertou a parceria com a diocese. O serviço é executado por funcionários da Empresa de Desenvolvimento de Itabira Ltda (Itaurb), em um investimento de R$ 40 mil. Os materiais necessários foram adquiridos pela diocese por R$ 39 mil.

Em tempo

O imóvel, localizado no bairro Penha, foi construído no século XVIII entre os anos de 1750 e 1775 e é Um dos cartões-postais de Itabira. Em 23 de dezembro de 1949, a Igrejinha do Rosário foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) por meio do processo nº 338-T, inscrição nº 347, Livro Belas Artes, fl. 01. O forro da igreja possui uma pintura que é atribuída a Manuel da Costa Ataíde, conhecido como Mestre Ataíde. Além dos detalhes arquitetônicos singulares, no assoalho de tábua corrida estão as campas onde foram sepultados os membros da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário, fundada em 1812. A maioria desses túmulos são de escravos e alforriados.

Scroll To Top