terça-feira , 25 fevereiro 2020
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: saúde mental

Arquivos de Tag: saúde mental

Implantado pela Prefeitura – Interagir oferece espaço de convivência aos usuários da rede de saúde mental

Sede do centro de convivência foi inaugurada na tarde desta quarta-feira (12). O local conta com espaços como recepção, oficinas, salas para atividades coletivas, entre outros.

Como parte da estratégia de proporcionar à população uma saúde pública mais eficaz, a Prefeitura de Itabira inaugurou a sede do Centro de Convivência Interagir, na tarde desta quarta-feira (12). A nova unidade de saúde – um equipamento que compõe a rede de atenção psicossocial – oferece aos cidadãos em situação de sofrimento mental um espaço de convivência, socialização, produção cultural e intervenção na cidade. Assim, o programa busca facilitar a construção de laços sociais e a inclusão dos usuários.

Na oportunidade, também foi inaugurado, no mesmo local, o escritório de representação da Organização das Nações Unidas (ONU) em Itabira. Participaram da solenidade a vice-prefeita Dalma Helena Barcelos Silva, a secretária municipal de Saúde Rosana Linhares de Assis Figueiredo, o diretor de Saúde Mental de Itabira Marcelo Amorim, a coordenadora de Saúde Mental da Prefeitura de Belo Horizonte e terapeuta ocupacional Marta Soares, o presidente do Conselho Municipal de Saúde Danilton Duarte, o vereador Júlio Rodrigues, representantes de entidades sociais, secretários, servidores municipais, familiares e usuários do Interagir.

Este momento é a concretização de mais um equipamento primordial da rede de atenção substitutiva em saúde mental, no município de Itabira. Dentro da política de Saúde Mental do SUS, os Centros de Convivência e Cultura constituem-se como espaços para fomentar atividades coletivas de inclusão social, cultural, geração de renda e socialização voltados para os usuários dos Caps. Entendo como estratégicas e estruturadoras as ações deste equipamento de saúde. Estamos neste momento entregando à comunidade a sede própria do Centro de Convivência Interagir, formalizando e ampliando seu horário de funcionamento – que passa a ser de segunda a sexta-feira – com várias oficinas, nos períodos da manhã e tarde”, declarou Rosana Linhares.

Dalma Barcelos fez um balanço das ações desenvolvidas pelo Governo Municipal na área da saúde. Ela lembrou que, mesmo com a falta de repasses financeiros do Governo do Estado, importantes intervenções foram realizadas como a renovação completa da frota do Samu; inauguração de novas unidades básicas de saúde (UBS), aquisição de 24 novos veículos para atendimento à população; inauguração de nova Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) no Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD) e ampliação de quatro leitos na UTI do Hospital Municipal Carlos Chagas (HMCC); implantação do serviço de diálise de agudos no HMCC; ampliação do número de internações e procedimentos cirúrgicos, além de exames; entre diversas outras.

Durante a cerimônia, Marta Soares palestrou sobre a importância dos Centros de Convivência e seus impactos. Ao final do evento, os participantes conheceram as novas instalações e estrutura física do prédio.

Sobre o Interagir

Desde 2010, o Centro de Convivência Interagir é um programa oferecido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio do Centro de Atenção Psicossocial (Caps), que atualmente acompanha 80 usuários. Esta é a primeira vez que o programa conta com um espaço próprio – até o momento, os usuários se reuniam em vários locais, incluindo a sede da Associação Comunitária do bairro João XXIII.

O Centro de Convivência Interagir possui uma equipe multiprofissional composta por gerente e oficineiros (psicólogos e terapeutas ocupacionais). No novo espaço, serão ofertadas oficinas de culinária, cerâmica, horta/ jardinagem, reciclagem, mandalas, bordado, arte em papel, desenho e pintura, música e movimento. Além disso, haverá momentos para outras atividades como contação de história, meditação, dança circular, jogos cooperativos, Lian Gong, caminhada, tenda do conto, sessão de cinema na Câmara Municipal e visitação aos Caminhos Drummondianos. Os usuários contarão também com educação em saúde, formação para cidadania e reuniões com familiares.

O serviço é oferecido na rua Emídio Alves Ferreira, 794, bairro Penha, de segunda a sexta-feira, das 7 às 17 horas. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3839-2192 (Caps).

Saúde Mental – Seminário discute psicologia positiva e felicidade

A Prefeitura de Itabira/ Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e a Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira (Funcesi) realizam, nesta quarta-feira (20), o seminário de saúde mental “Psicologia Positiva e Felicidade”. O evento será das 8 às 17 horas, no auditório da instituição de ensino (Prédio Areão).

A atividade tem como objetivo alinhar conhecimentos referentes a assistência em saúde mental. O público-alvo são os profissionais da área da Saúde, Assistência Social e Educação. Para participar é necessário fazer inscrição no site da Funcesi (www.funcesi.br). O seminário conta com palestras ministradas por especialistas na área, mesa redonda e oficinas.

O tema central de abertura do evento é o desenvolvimento emocional, com os palestrantes Luiz Flávio Lage Guerra (cardiologista da Medicina do Trabalho Municipal), às 9horas e Marcílio Sebastião Magalhães (psiquiatra do Caps AD Itabira), às 10 horas. Confira a programação completa:

11h30 às 13h – Intervalo

13h – Mesa redonda – Conversando sobre saúde na maturidade. Convidados: Elismara Araújo Borges (médica especialista em Medicina Interna e pós graduada em Geriatria), Sandra Mara Ferreira Martins (terapeuta ocupacional), Vinícius Pinto Coelho Vieira (supervisor de estágio do curso de Fisioterapia da Funcesi)

15h – Mesa redonda – A felicidade na adolescência (estratégias eficazes de aprendizagem, problemas na adolescência, a questão dos jogos de computadores, celulares, drogadições, etc). Convidados: Gustavo Alexandre Martins (psicólogo especialista em Psicopedagogia e mestre em Educação), Karina Vasconcelos Barros Penna (psiquiatra do Caps AD), Breno Pires (CEO do Club Petro).

Oficinas

Terapia Manual

9h30 às 10h30 (Sessões de 15 em 15 minutos) – Grupos de 5 pessoas

Responsável: Juliana Aparecida Braga Cruz

Local: Área externa do Prédio Areão

Lian Gong – Treinamento Perfumado

8h30 – Grupo de 20 pessoas

Responsável: Jaqueline Magalhães Cabral

Local: Área externa do Prédio Areão

Lian Gong – Treinamento Perfumado

10h – Grupo de 20 pessoas

Responsável: Alda Lúcia Menezes

Local: Área externa do Prédio Areão

Aromaterapia

10h – Grupo de 20 pessoas

Responsável: Naiara Viana Silva

Local: Sala AR 306 – Prédio Areão – 3º andar

Danças Circulares

13h30 – Grupo de 30 pessoas

Responsável: Gil César

Local: Área externa do Prédio Areão

Aromaterapia

15h – Grupo de 20 pessoas

Responsável: Naiara Viana Silva

Local: Sala AR 306 – Prédio Areão – 3º andar

Qualidade de Vida – Equilíbrio do corpo e da mente

16 horas – grupo de 20 pessoas

Responsável: Cristina Maria V. Oliveira

Local: Sala AR 307 – Prédio Areão – 3º andar

18 de maio – Prefeitura promove atividades pelo Dia da Luta Antimanicomial

Programação, feita pelas equipes de Saúde Mental, começa nesta quinta-feira e segue até o dia 22

A Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, promove, a partir desta quinta-feira (16), importantes eventos para lembrar a data de 18 de maio – Dia da Luta Antimanicomial. A programação, preparada pelas equipes de Saúde Mental (Centros de Atenção Psicossocial Adulto, Infantil e Álcool e Drogas – Caps, Capsi e Capsad) do município, são gratuitas e voltadas para os usuários, familiares, trabalhadores da área e toda a comunidade. As atividades seguem até a próxima quarta-feira (22).

De acordo com a gerente dos Caps Adulto e Infantil, Jacira Helena Silva, a programação tem como objetivos principais ressignificar um movimento social com o lema “Por uma sociedade sem manicômios”, propor mudanças no cenário da Atenção à Saúde Mental e questionar as relações de estigma, preconceito e exclusão social para as pessoas que apresentam algum sofrimento psíquico. “É extremamente importante comemorar o dia 18 de maio para que todas as conquistas históricas não vivam retrocessos e prejudiquem o pertencimento social, o direito à cidadania”, afirmou.

Confira a programação:

16 de maio (quinta-feira)

14h – Sarau Poético – Com o tema “Viva a Viva! Viva a Arte!”, o evento contará com a participação de usuários dos serviços de Saúde Mental, familiares, escolas, artistas e instituições itabiranas. O espaço é aberto às pessoas que queiram compartilhar, experimentar, emocionar, sentir e transformar com arte.

Local: Praça do Campestre

20 de maio (segunda-feira)

14h – Cinema na Câmara – Esta edição do programa Cinema na Câmara apresentará o filme “O menino que descobriu o vento”: uma história sensacional, envolvente e de superação, que estimula discussões fundamentais sobre a força que cada um de nós tem dentro de si mesmo para promover mudanças coletivas que impactam na vida do outro. Toda a população está convidada para assistir.

Local: Câmara Municipal de Itabira

21 de maio (terça-feira)

Roda de Conversa Café com Prosa – Uma viagem até o município de São Gonçalo do Rio Abaixo para os serviços de Saúde Mental Caps/Capsad de Itabira e o serviço de Saúde Mental Peixe Vivo. Participarão do encontro usuários, familiares e trabalhadores da área. A proposta é ampliar discussões sobre as políticas de saúde mental, avanços, geração de renda, a construção da cidadania no cotidiano e a convivência familiar.

Local: Espaço Peixe Vivo, São Gonçalo do Rio Abaixo

22 de maio (quarta-feira)

19h – Mesa Redonda – Apresentação da história da Saúde Mental no município, com Marcelo Amorim Amaral Castro. Tema: “Desafios da nova política de Saúde Mental” e os impactos nos nossos serviços. Apresentação de Marta Elizabeth.

Local: Câmara Municipal de Itabira

Saúde Mental – Especialistas debaterão sociedade e felicidade em seminário

A Secretaria Municipal de Saúde e a Fundação Comunitária de Ensino Superior (Funcesi) realizam, na próxima terça-feira (18/09), o seminário de saúde mental “Sociedade e Felicidade”. A participação é aberta a todos, mas é necessária prévia inscrição no site da instituição de ensino. O evento ocorrerá das 9h às 17h, no auditório da Funcesi.

A principal palestra do dia será com o médico psiquiatra Rodrigo Nicolato. Doutor em farmacologia, bioquímica e molecular, o médico, que também é professor da Universidade Federal de Minas Gerais, abordará a repercussão do estresse e da ansiedade no corpo. A palestra será às 10h.

Das 13h30 às 15h ocorrerão três atividades simultâneas: oficina sobre meditação e espiritualidade, coordenada pelas psicólogas Juliana Fantini Scarpelli Martins da Costa e Daniela Rolla Brunelli. Outra atividade no mesmo horário será com o psiquiatra Vinícius Braga Martins da Costa, a psicóloga Maria da Glória Menezes Maggessi Cota e a enfermeira Gelsa Nunes. Juntos, eles coordenarão a roda de conversa “Associação das Terapias e da Medicação na Saúde Mental”. A terceira atividade é uma mesa redonda com a psicóloga Neiva Henriette Pontes Rodrigues, a neuropsicóloga e psicopedagoga Fátima Maria Assumpção Moreira e a terapeuta ocupacional Fabiana Pessoa Duarte. As profissionais vão abordar “Transtorno da Aprendizagem”.

A partir das 15h15, também simultaneamente, serão realizadas três atividades: mesa redonda “Drogas, Álcool – Redução de Danos”, com o psicólogo Marcelo Amorim do Amaral Castro, o psiquiatra Cássio Hermes de Andrade e a terapeuta ocupacional Fabiana Pimenta de Almeida; roda de conversa com a psicóloga Priscila Souza Vicente Penna, o fisioterapeuta Henrique Silveira Costa e o consultor em tecnologia da informação Marcelo Pires Guerra, que vão discutir o tema “Tecnologia e Socialização” e, ainda, uma mesa redonda abordando a capacidade dos incapazes, com a assistente social Priscila Ribeiro Oliveira, o advogado Diogo Luna Moreira e o médico Tiago Camilo Eisemberg de Alvarenga.

Segundo o diretor de Saúde Mental Marcelo Amorim do Amaral Castro, um dos organizadores do evento, podem participar do seminário profissionais de qualquer área de atuação, usuários dos serviços de saúde mental e o público em geral. “Mas é imprescindível fazer a inscrição prévia no site da Funcesi. As vagas já estão acabando, portanto, é importante a pessoa se apressar”, alerta.

A realização do seminário, conforme explica Marcelo Amorim, foi a forma que a equipe de saúde mental da Prefeitura encontrou para abordar o Setembro Amarelo – mês alusivo à prevenção ao suicídio. “Nossa intenção foi reunir a comunidade terapêutica para discutir com a população as formas de amenizar os transtornos da doença mental. A inclusão de práticas integrativas, o desenvolvimento da espiritualidade, a socialização mesmo que por métodos digitais, ou seja, aliar todos os dispositivos possíveis para melhorar a qualidade de vida, atenuar o estresse do dia a dia e manter a ansiedade sob controle. Resumindo, o que queremos é debater o resguardo da saúde mental”, finaliza Marcelo Amorim.

Por: Marly Nascimento

Oficinas, palestra e passeata marcam Dia de Luta Antimanicomial

A Secretaria Municipal de Saúde está promovendo, desde ontem (14/05), a Semana de Luta Antimanicomial com o tema “Atentas e fortes: tantãs sem temer os golpes”. Oficinas, apresentação do Cinema na Câmara, palestra e passeata prosseguem até o dia 18 – data em que se comemora o Dia Nacional de Luta Antimanicomial.

Na segunda-feira, o Cinema na Câmara apresentou o filme “Nise: o coração da loucura”, um longa-metragem brasileiro que conta a história da psiquiatra alagoana Nise da Silveira (1905-1999), que inovou o tratamento oferecido para as pessoas com problemas mentais e, em especial, para aquelas com esquizofrenia. Ela propôs e aplicou formas alternativas de cuidados, com base na arte, no afeto e no convívio com animais em substituição a métodos agressivos e comparáveis à tortura. Após a apresentação do filme, profissionais de saúde mental, familiares e usuários debateram o tema.

Hoje (15/05), as equipes multiprofissionais dos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) AD, Infantil e Adulto realizam oficinas terapêuticas em todas as unidades.

Amanhã (16/05), a partir das 13h30, no auditório da Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira (Funcesi) será promovida a palestra “Saúde mental na Atenção Básica e matriciamento”, com a terapeuta ocupacional Edna Mara Mendonça. Logo após, será realizada uma mesa redonda com Heloísa Helena Martins, enfermeira e superintendente de Ações em Saúde; Fabiana de Almeida Pimenta, terapeuta ocupacional e o médico Frederico Petres Monferrari.

A programação se encerrará, na sexta-feira (18/05), com uma passeata. A concentração será a partir das 8h em frente ao Mercado Municipal e seguirá até a Rodoviária Genaro Mafra. A banda de música da Universidade Federal de Itajubá (Unifei) participará do evento.

O objetivo da semana de comemorações é mobilizar usuários, familiares, trabalhadores e a comunidade e promover uma ampla discussão sobre a atenção ao usuário dos serviços de saúde mental e o combate ao preconceito ainda presente em nossa sociedade.

“Despedida em grande estilo” abre temporada 2018 do Cinema na Câmara

O Centro de Atenção Psicossocial (Caps) exibe, no próximo dia 12, a partir das 14h, na Câmara Municipal, o filme “Despedida em grande estilo”. A apresentação faz parte do projeto Cinema na Câmara e é aberta aos usuários do serviço de saúde mental do Município – Caps, Caps-Ad e Capsi -, aos seus familiares e comunidade em geral.

O projeto é realizado há três anos com o objetivo de ressocializar pessoas com transtorno psiquiátrico em tratamento nas unidades de saúde mental do Município. A programação é desenvolvida de forma colaborativa pelos profissionais e usuários. A escolha dos títulos leva em consideração filmes que promovam debates e reflexões. A proposta para este ano é que a partir de março seja apresentado um novo filme por mês.

Sinopse – Lançado no ano passado, “Despedida em grande estilo” é um filme que conta a saga de um trio de aposentados que precisam pagar as contas e ajudar seus familiares. Quando suas aposentadorias são canceladas inesperadamente, planejam roubar o mesmo banco que pegou o dinheiro.

30 de novembro – Capsi comemora 10 anos de atividade em Itabira

Na próxima quarta-feira (30), o Centro de Atenção Social Psicossocial Infanto-Juvenil (Capsi) comemorará 10 anos de atividade no município. Para marcar o aniversário, no local, haverá apresentação cultural com Drummonzinhos, atividades culturais com usuários e familiares e sessão de cinema. O evento começará a partir das 9h.

O Capsi Itabira oferece atendimento especializado a crianças e adolescentes com transtornos mentais graves no horário de 7h às 17h. A equipe é formada por um médico psiquiatra infantil, psicólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, farmacêutico, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, um gerente e funcionários de apoio administrativo.

O serviço

O acolhimento é realizado por um profissional de plantão, preparado para atender urgências e crises em saúde mental. As crianças e adolescentes chegam ao serviço por encaminhamentos feitos por Unidades Básicas de Saúde (UBS), escolas, hospitais, Pronto-socorro, Conselho Tutelar, Juizado da Criança e do Adolescente e Promotoria Pública. No capsi, um profissional especializado avalia se há indicação para que o atendimento seja realizado.

Os atendimentos são realizados dentro dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), de forma universal e integral, respeitando as diferenças entre os indivíduos. Além disso, o capsi contribui com a reforma psiquiátrica ao buscar alternativas para a internação dos pacientes, visando inserí-los na comunidade.

O Capsi situa-se rua México, 90, bairro Fica Paciência. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3839-2892.

Confira a programação

9h: Abertura

9h30: Apresentação cultural com Drummonzinhos

10h: Atividades Culturais e Oficinas com usuários e familiares do CAPSi

14h: Sessão de Cinema com Charlie Brown: Peanuts, O Filme e Snoopy

18 de maio – Prefeitura promove ações pelo Dia da Luta Antimanicomial

A Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde promoveu nesta quarta-feira (18), várias ações e debates em comemoração ao Dia da Luta Antimanicomial. A programação teve início com uma caminhada, saindo da praça Acrísio Alvarenga até a Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA).

De acordo com a diretora de Saúde Mental da Secretaria de Saúde, Fabiana Pimenta de Almeida, o Dia da Luta Antimanicomial é comemorado nacionalmente há quase 30 anos. A história da luta se iniciou quando trabalhadores da Saúde Mental se uniram para manifestar contra a maneira de internação e exclusão das pessoas com transtorno mental.

Profissionais do Centro de Convivência Interagir e dos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) – Infantil, Adulto e Álcool e Drogas se juntaram aos usuários e familiares para reiterarem o apoio ao fim dos hospitais psiquiátricos no Brasil e fortalecimento da Rede de Atenção Psicossocial. O movimento busca a união de toda a sociedade, para que juntos possam desconstruir preconceitos e lutar em defesa de um tratamento digno e respeitoso para as pessoas com transtorno mental.

Durante todo o dia houve atividades como palestras, oficinas culturais, exposição de trabalhos culturais, exibição de documentário e apresentação de tese de mestrado. Na FCCDA os usuários do Capsad realizaram apresentações musicais e cantaram uma paródia feita com a letra da música “É preciso saber viver”.

O prefeito Damon Lázaro de Sena assistiu a apresentação e ressaltou a importância do trabalho que o Caps e o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Capsad) tem para seus usuários e familiares. “As pessoas merecem uma oportunidade. A luta antimanicomial é antiga, mas deve continuar presente o tempo todo na vida de cada um, para que não haja retrocesso. Queremos que a humanidade sempre melhore. O Capsad foi inaugurado na nossa gestão, mas funciona bem e é uma realidade porque possui profissionais competentes. Continuaremos trabalhando para trazer dignidade e melhorar a qualidade de vida de todos”.

InterAgir/Caps – Nova edição da Mostra de Cinema acontece nesta segunda-feira

Nesta semana, acontecerá mais uma edição da Mostra de Cinema organizada pelo Centro de Atenção Psicossocial (Caps) e Centro de Convivência InterAgir. O filme “Pequena Miss Sunshine” será exibido gratuitamente na segunda-feira (21), às 14 horas, no plenário da Câmara Municipal. Toda a comunidade é convidada a participar.

A comédia norte-americana foi lançada em 2006. No ano seguinte, o longa-metragem foi indicado a quatro categorias no Oscar e ganhou duas estatuetas: Melhor Roteiro Original e Melhor Ator Coadjuvante.

A Mostra de Cinema promovida pela Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), começou em agosto deste ano, com a exibição do filme “Minha mãe é uma peça”. Além de proporcionar entretenimento, a atividade busca promover a interação entre os usuários do serviço de saúde mental e a comunidade itabirana.

facebook - caps - mostra de cinema - SET

Mostra de cinema reúne usuários do Caps e do Centro de Convivência InterAgir

Usuários do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) e do Centro de Convivência InterAgir participaram da 1ª Mostra de Cinema na tarde de segunda-feira (10). A atividade foi promovida pela Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). A exibição da comédia brasileira “Minha Mãe é uma Peça” aconteceu no plenário da Câmara Municipal.

Um dos objetivos da atividade foi a ressocialização dos usuários dos serviços de saúde mental. A intenção é que a mostra de cinema aconteça regularmente, em datas a serem definidas pela equipe da SMS.

Scroll To Top