segunda-feira , 1 junho 2020
Você está aqui: Capa | Arquivos de Tag: segurança pública (Página 2)

Arquivos de Tag: segurança pública

Prefeitura reivindica melhorias em prol da segurança pública

Na última segunda-feira (2), o secretário municipal de Ordem Pública, Cel. Júlio Maria Abílio Ferreira reuniu-se com o subsecretário de Políticas sobre Drogas, Rafael Miranda. O encontro aconteceu em Belo Horizonte para discutir a segurança pública em Itabira e solicitar apoio do Governo do Estado. O vereador Sueliton Cordeiro de Sousa também participou da reunião.

No encontro, foram feitas importantes reivindicações como: viabilização do recurso para a construção do Centro de Internação para Menores Infratores; casas funcionais para policiais militares, com o intuito de ampliar as condições de fixarem residências na cidade; melhoria da estrutura física do presídio e aumento de funcionários e ampliação do efetivo de policiais militares do 26º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais (BPMMG).

Representando o prefeito Damon Lázaro de Sena, o Cel. Júlio Maria ressaltou a preocupação do chefe do Executivo na busca constante de melhorias para a cidade. Na ocasião, apresentou ao subsecretário o andamento dos processos para a criação da Guarda Municipal em Itabira. “A reunião foi muito proveitosa. O subsecretário se colocou à disposição. Ele levará todas as solicitações ao Secretário de Estado de Defesa Social, Bernardo Santana, para que tudo seja reportado ao Governador do Estado, Fernando Pimentel. Queremos que ele olhe com bons olhos a nossa cidade”.

Em relação ao aumento de policiais no 26º BMP, Cel. Júlio Maria explica que o Governador autorizou a criação de 3 mil novos policiais militares e destes, 1.500 serão destinados a cidades do interior. “É importante que Itabira seja beneficiada para que haja mais policiais nas ruas. Além disso, temos outras 15 regiões da Polícia Militar e o município está inserida na maior região do Estado”.

Prevenção às drogas

No último dia 26, o secretário municipal de Ordem Pública também esteve na sede de Associação Brasileira Comunitária de Prevenção ao Uso e Abuso de Drogas (Abraço), acompanhado pelo vereador Lúcio Mauro Dias. No encontro foram discutidas ações de prevenção ao uso de drogas que podem ser desenvolvidas em Itabira. A previsão é que a entidade realize um de seus projetos na cidade.

Segundo o Cel. Júlio Maria, em razão da grave situação das drogas no município, a ideia é que inicialmente, a Abraço venha a Itabira quinzenalmente. No decorrer do processo, os trabalhos passarão a ser mensais. “Vejo essa atuação em Itabira muito positiva. A entidade é antiga e tem credibilidade em seu trabalho. Trazer essa experiência para o município e conseguindo chegar a população, com certeza, surtirá bons frutos”.

O encontro teve também a presença do deputado estadual Leonardo Portela, o subsecretário de Políticas sobre Drogas Rafael Miranda, o ex-secretário de Políticas sobre Drogas, Clóvis Benevides e representantes de comunidades terapêuticas de Minas Gerais.

Secretario de Ordem Publica Julio Maria, subsec. de Politicas sobre Drogas Rafael Miranda e vereador Sueliton SouzaSecretario de Ordem Publica Julio Maria Abilio e vereador Lucio Mauro na sede da Abraco

Criação da Guarda Municipal é uma das prioridades do Governo

Melhorar a segurança pública da cidade é uma das prioridades do Governo Municipal. Buscando soluções para os principais problemas, a Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (SMOP), realizou na quarta-feira (3), uma palestra com o tema “Participação do Município na Segurança Pública”. O evento foi realizado no auditório da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA).

As explanações foram feitas pelo Diretor de Projetos do Instituto Nacional de Desenvolvimento e Defesa Social (INDS) Euro Magalhães, e o presidente da entidade, Rodrigo Alejandro. Estiveram presentes: o prefeito Damon Lázaro de Sena, a vereadora Marcela Cristina Lopes da Silva, o capitão da Polícia Militar, Werner Leonardo Pereira, secretários e servidores da SMOP.

Euro Magalhães iniciou a palestra citando os inúmeros problemas de segurança que qualquer cidade enfrenta e discutiu soluções. Na ocasião, um dos focos da discussão foi a criação da Guarda Municipal em Itabira. O diretor ressaltou que o trabalho da Guarda vai além de proteger apenas patrimônios públicos, como a maioria acredita. “A Guarda pode utilizar-se do poder de polícia que for delegado pelo município por meio de leis complementares. Eles também anotarão e relatarão as necessidades da cidade e podem inclusive resolver questões de trânsito”.

O prefeito Damon Lázaro de Sena enfatizou que a implantação da Guarda Municipal é um de seus compromissos e a expectativa é que já vire realidade até o final do ano que vem. “Itabira precisa que a Guarda seja realidade, para que tenhamos uma cidade mais harmoniosa, em paz e sem tantos crimes contra o patrimônio público, como ocorrem hoje”.

O Chefe do Executivo ainda ressaltou alguns investimentos feitos pela Prefeitura de Itabira que contribuem para a segurança da população, como por exemplo, a manutenção e reativação de câmeras de monitoramento em diversos pontos da cidade. “Quando assumimos existiam apenas oito, agora são 21 equipamentos funcionando. Dentro do Estado de Minas Gerais, em 2013, Itabira foi a cidade que mais investiu em segurança. Foram gastos quase R$ 1 milhão. Só em novas viaturas foram R$ 200 mil. A nossa busca é incansável pela melhoria da qualidade de vida da população”, disse.

Rodrigo Alejandro explicou que o processo é demorado e o investimento considerável, além da implantação ser gradativa e pontual. “É preciso ter uma estruturação legal na Secretaria de Estado de Defesa Social (SEDS), diagnósticos municipais, implementação e gestão de controle de Defesa Social. Pelo número de habitantes, Itabira tem direito a implantar uma Guarda Municipal com 350 homens. A criação deve ser fundamentada com a estrutura administrativa harmoniosa. Dessa forma, o sucesso e os resultados obtidos serão certos”, finalizou.

Pelotão do Corpo de Bombeiros em Itabira recebe novos soldados

Na manhã de quarta-feira (5), foram apresentados 20 novos soldados que integrarão o efetivo do 4º Pelotão de Bombeiros Militar em Itabira. A unidade atende 17 cidades e, com o reforço, contará com 39 integrantes. A demanda recebida pelo Corpo de Bombeiros é grande, tanto nas ocorrências relacionadas a incêndio (devido ao extenso período de estiagem) quanto nos acidentes registrados na BR-381.

É com satisfação que estamos recebendo os novos bombeiros. Nosso efetivo estava muito reduzido”, afirmou o comandante do pelotão, sargento Sávio Marcelino Chagas Araújo. Ele acrescentou que sete veteranos serão direcionados a outros batalhões e que o número ideal para atender a unidade seria 56 integrantes, mas a chegada dos novos soldados é o primeiro passo para oferecer um serviço melhor à comunidade.

O comandante falou ainda sobre um grave problema: o recebimento de trotes, que comprometem o trabalho desempenhado pelos profissionais e podem colocar a vida de pessoas em risco. “Já tivemos caso de uma criança ligar aqui 100, 150 vezes”, comentou.

Representando o prefeito Damon Lázaro de Sena, o secretário municipal de Ordem Pública, coronel Júlio Maria Abílio Ferreira comentou sobre a importância do serviço prestado pelo pelotão, já que Itabira cresce a cada dia. Ele também destacou a preocupação do Governo Municipal em buscar, junto ao Estado, o reforço do número de profissionais responsáveis pela segurança pública.

Quando estive no comando do 26º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais (BPMMG), foi possível perceber o quanto nosso prefeito é preocupado em melhorar a cidade em todos os sentidos. Os novos bombeiros militares que se apresentam hoje são fruto de incansável pedido do prefeito junto ao comando da corporação do Corpo de Bombeiros. Sou prova disso porque, no ano passado, tive uma conversa com ele sobre a necessidade da melhoria do atendimento ao público, já que nossa função é servir à comunidade”, disse, acrescentando que Damon Lázaro de Sena também tem solicitado o encaminhamento de mais policiais militares para Itabira.

O secretário ressaltou que a Prefeitura também é parceira do pelotão ao investir na reforma da estrutura física da unidade. A medida vai proporcionar espaços adequados para treinamento dos profissionais e realização de trabalhos educativos com crianças e jovens.

Saiba mais
Localizado em Itabira, o 4º Pelotão da 2ª Companhia do 6º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militares atende o município e outras 16 cidades: Barão de Cocais, Bom Jesus do Amparo, Carmésia, Catas Altas, Ferros, Itambé do Mato Dentro, Passabém, Santa Bárbara, Santa Maria de Itabira, São Gonçalo do Rio Abaixo, Alvinópolis, Bela Vista de Minas, Dom Silvério, João Monlevade, Rio Piracicaba e São Domingos do Prata.

Prefeito recebe comandante da 12ª Região da Polícia Militar e discute ações para Itabira

Na manhã de segunda-feira (09), o prefeito Damon Lázaro de Sena recebeu em seu gabinete o comandante da 12ª Região da Polícia Militar de Minas Gerais, coronel Jordão Bueno Júnior, e o comandante do 26º Batalhão da PM, tenente-coronel Júlio Maria Abílio Ferreira. Também esteve presente o Chefe de Gabinete Edilson de Magalhães Lopes. A instalação de câmeras de segurança em Itabira, a criação da Secretaria de Segurança Pública e Guarda Municipal foram os principais assuntos abordados durante o encontro.

1 - Da esq para dir. cmdte. Julio Ferreira, Edilson Lopes, Damon de Sena e cmdte. Jordao Bueno Junior

O prefeito disse que mais 25 câmeras de segurança serão instaladas na cidade, reforçando as 21 que estão em funcionamento. Coronel Bueno sugeriu a instalação de câmeras com fibra óptica: apesar do custo maior para aquisição, a manutenção é mais fácil e as imagens possuem maior resolução, podendo ser utilizadas caso haja solicitação da Justiça.

Edilson Lopes comentou sobre o convênio firmado entre a PM e a Vale para aquisição de veículos policiais para a cidade. Segundo o tenente-coronel Júlio Ferreira, uma base-móvel, sete motos e 12 viaturas serão recebidas pelo 26º BPM em breve para atender às cidades de Itabira, Barão de Cocais e Santa Bárbara. Damon Lázaro de Sena acrescentou que a Prefeitura também firmou convênio com a PM para aquisição de cinco viaturas: o processo de compra está em andamento e prevê-se que serão entregues no próximo ano.

O prefeito também obteve informações para a implantação da Secretaria de Segurança Pública e a criação da Guarda Municipal. Coronel Bueno, que participou da implantação das guardas municipais em Alfenas e Diamantina, disse que “está disposto a contribuir dentro do que está previsto na profissão, pois as parcerias e o diálogo fazem parte da nossa missão”. Acrescentou que a competência da guarda é fazer a vigilância patrimonial (praças, escolas, postos de saúde e ginásios, por exemplo) e que devem ser avaliadas, entre outras questões, a quantidade de efetivo necessário conforme número populacional; como vai funcionar o processo seletivo para contratação dos profissionais e a previsão orçamentária para manutenção da guarda. Disse ainda que a PM pode oferecer treinamento àqueles que foram selecionados para integrar o grupo.

Damon Lázaro de Sena também pediu apoio para que o Núcleo de Atendimento Integrado (NAI) seja instalado em Itabira, adequando-se as instalações onde atualmente funciona o Parque Belacamp para atender aos menores infratores. Edilson Lopes apresentou aos militares a planta do espaço indicado para o NAI: como a área é extensa, uma parte dela poderia ser cedida para instalação de um destacamento da polícia.

3

Outro ponto ressaltado pelo coronel Bueno é a importância de que o poder público municipal invista em ações de prevenção primária. “Isso evita que as crianças e jovens fiquem na rua ociosamente e tenham contato com as drogas”, afirmou. O prefeito e o Chefe de Gabinete destacaram ações que estão sendo desenvolvidas no município, como o planejamento para que novas escolas sejam construídas, o apoio às atividades esportivas e culturais e o incentivo para a criação da Coalizão Comunitária Antidrogas.

Reunião discute ações para reduzir criminalidade em Itabira

Na tarde de quarta-feira (20), o Chefe de Gabinete Edilson de Magalhães Lopes representou o prefeito Damon Lázaro de Sena na reunião com secretários municipais e autoridades ligadas ao setor de segurança pública em Itabira. O objetivo principal foi avaliar ações que podem ser aplicadas para aumentar a segurança na cidade.

Entre os presentes, estavam o procurador jurídico Daniel Perrelli Lança, a representante da Diocese de Itabira/Coronel Fabiciano Selma Lúcia Damasceno, o comandante do 26º Batalhão da Polícia Militar Júlio Maria Abílio Ferreira, o promotor de Justiça Michel Queiroz Zoucas, a representante da Vale Thais Benchimol, o secretário de Planejamento Júlio César de Araújo, o diretor-geral do presídio de Itabira Alex Vitor da Silva, a secretária de Ação Social Valquíria Pascoal de Souza Duarte, a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) Daniela Magalhães Torres, a juíza de Direito Danielle Rodrigues da Silva, o delegado da Polícia Civil Juliano Alencar Martins e o presidente da Acita Marco Aurélio Garcia Matos.

Edilson Lopes disse que o prefeito Damon Lázaro de Sena tem buscado recursos voltados para a segurança pública. Durante reunião no dia 12 de novembro com o coronel Marco Antônio Badaró Bianchini, em Belo Horizonte, foram discutidos o aumento do efetivo policial na cidade, ampliação do número de câmeras de segurança e manutenção das existentes, além da implantação da Guarda Municipal.

 Na reunião no Gabinete do Prefeito, houve o consenso de que muitos crimes ocorridos na cidade são praticados por menores. Devido a esse fator, muitos são detidos por cinco dias e liberados em seguida. Foi abordado que esses adolescentes precisam ser encaminhados a um local específico, onde sejam aplicadas medidas educativas em regime de semi-liberdade ou internação.

Foram apresentadas sugestões para retomar o projeto de instalação do Núcleo de Atendimento Integrado (NAI), que vai atender aos menores infratores. Também foi apontado que adequar uma construção já existente, conforme as exigências determinadas pela Secretaria de Estado de Defesa Social (SEDS), é mais rápido e viável do que executar uma nova construção.

Na quinta-feira (21), uma comitiva formada durante a reunião no gabinete visitou possíveis locais para a instalação do NAI. Primeiro foram ao posto policial do bairro Chapada e depois visitaram o Parque Belacamp, no bairro Campestre. Novas reuniões serão agendadas para prosseguir a discussão sobre o assunto.

2 Visita ao posto policial na quinta-feira3 Visita ao Parque Belacamp na quinta-feira

Prefeito procura Estado para discutir mais segurança para Itabira

O prefeito de Itabira, Damon Lázaro de Sena, acompanhado do seu chefe de Gabinete Edilson de Magalhães Lopes, esteve em Belo Horizonte nesta terça-feira (12) onde se reuniu com o chefe da Assessoria Institucional da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), coronel Marco Antônio Badaró Bianchini. O objetivo da reunião de trabalho solicitada pelo prefeito foi levar ao comando da polícia informações e números referentes à violência na cidade que, em 2013,  registra aumento no número de assassinatos, tentativas de homicídios e assaltos.

Damon Lázaro de Sena explicou a necessidade urgente de incrementar o serviço de segurança pública realizado no município. Na oportunidade, foram discutidos assuntos como a manutenção das câmeras de segurança e ampliação de 21 para 49 unidades; o aumento do efetivo para suprir o déficit de pessoal foi outra questão abordada. Coronel Bianchini informou que vencedores de um concurso público da PM receberão treinamento a partir do próximo mês de janeiro. Damon ofereceu Itabira como local de realização do estágio dos novos policiais.

O Major PM Marques, que também esteve presente no encontro, deu informações sobre equipamentos e convênios da PMMG com os municípios. Damon Lázaro de Sena falou sobre o convênio entre a mineradora Vale e o 26º B, ratalhão, sediado em Itabira, para a aquisição de uma unidade comunitária móvel, três viaturas e cinco motos, prevista para os próximos meses.

“Sabemos que a segurança pública é responsabilidade do Estado, mas como chefe do executivo, estou bastante preocupado. Precisamos tomar providências, pois os a violência é fato e o sentimento de insegurança da população é grande”, afirmou Damon Lázaro de Sena. Sobre a reunião em Belo Horizonte, o prefeito afirmou: “Estivemos com o comando da PM para levar essa preocupação e buscar soluções. Somos parceiros da polícia e do Estado nesta empreitada. Estamos avançando na implantação da Guarda Municipal e de uma secretaria municipal equivalente à de Segurança Pública que dará ainda mais apoio às policias civil e militar; estamos avançando também na implantação de portais em todas as entradas da cidade e no projeto de ampliação do número de câmeras e para garantir a manutenção destes equipamentos. Faremos o que estiver ao nosso alcance para frear esta onda de violência”, finalizou Damon Lázaro de Sena.

Reunião aborda criação da Secretaria de Segurança Pública e Guarda Municipal

Na tarde de quinta-feira (17), o prefeito Damon Lázaro de Sena recebeu em seu gabinete o vice-prefeito de Ipatinga, coronel Alfredo Ramalho, e o assessor parlamentar Emerson Marinho dos Santos. Também estiveram presentes o Chefe de Gabinete Edilson de Magalhães Lopes, a secretária de Educação Luciane Maria Ribeiro da Cruz Santos e o secretário de Desenvolvimento Urbano Daniel Alves Lima. A reunião teve como objetivo principal obter informações para a criação da Guarda Municipal em Itabira.

Alfredo Ramalho foi comandante do 14º Batalhão da Polícia Militar de Ipatinga e é titular da Secretaria de Segurança e Convivência Cidadã na respectiva cidade. Ele se dispôs a dar algumas sugestões baseadas nas experiências adquiridas enquanto militar e responsável pela secretaria voltada à segurança pública.

Da esq. para dir. - Damon de Sena, Alfredo Ramalho e Emerson dos Santos

O vice-prefeito de Ipatinga sugeriu a Damon de Sena que sejam criadas, simultaneamente, a Secretaria Municipal de Segurança Pública e a Guarda Municipal. Acrescentou que o efetivo necessário poderia ser convocado por meio de concurso público e destacou a necessidade de a Guarda Municipal estabelecer parceria com a Polícia Militar. O prefeito também obteve orientações sobre a equipe que deverá ser mobilizada para a criação da Secretaria de Segurança Pública.

Alfredo Ramalho sugeriu a instalação de vigilância eletrônica nas instituições de ensino. Disse também que é necessário executar um trabalho voltado para a cultura da paz nas escolas, chamando os envolvidos com o setor educacional para enfrentar a violência, a vulnerabilidade social e o bullying. Damon de Sena complementou: “Para mim, educação é importante para todas as outras áreas. Ela é necessária para que se valorize mais a vida”.

Foi abordado ainda sobre o trabalho integrado que deve existir entre a Transita (para verificar a circulação dos veículos na cidade) e a Polícia Militar (para verificar a documentação dos condutores).

Scroll To Top